Papo Psi

A importância da amamentação e do uso da chupeta sob o ponto de vista psicológico

Foto: Divulgação

É de conhecimento de todos que a amamentação é um ato importante para a sobrevivência de todos os mamíferos, portanto, não seria diferente com os seres humanos. Porém, a amamentação não serve somente para a alimentação, mas tem grande importância para a formação do psicológico do bebê.

A partir de uma amamentação saudável a criança desenvolverá uma mentalidade saudável. Para isso é importante que a mãe esteja realmente presente no ato de amamentar, que esteja relaxada e preste atenção em seu bebê. É importante olhar para o bebê, tocá-lo, demostrar todo o amor e afeto sentido por ele. Mesmo quando a mãe não possui mais leite e precisa amamentar com mamadeira, é necessário prestar atenção a este momento. Não fazer de qualquer jeito.

De acordo com a Psicanálise, que é uma das abordagens psicológicas, esta fase inicial é chamada de fase oral. Você já percebeu que um bebê coloca tudo na boca? Nesta fase, aboca é a parte mais sensível do seu corpo; é a janela para explorar o mundo. Além disso, também é importante estimular outras partes do corpo do bebê através do toque.

Entendendo que a sucção é um ato importante para o psicológico do bebê o uso de bico acaba tendo sua importância. Existem muitos mitos sobre o uso do bico, pois o mesmo não é recomendado pelos dentistas. Porém hoje em dia existem formatos mais anatômicos e ainda a ideia não é deixar o bebê 24 horas por dia com o bico na boca, mas utilizá-lo em momentos específicos. Ainda, existe um substituto muito mais próximo para a chupeta: o dedo. Que será muito mais difícil de tirar do seu filho futuramente.

Mas por que a chupeta é tão importante assim? Para a criança o bico representa a mãe. Portanto em situações em que a mãe não se faz presente ele pode ser útil. O maior problema ocorre quando é usada como um “cala a boca” quando o bebê chora. A mãe quer fazer suas atividades sem ser incomodada e leva a criança a se sentir carente da mãe e a se tornar dependente do bico. O que dificulta sua retirada no futuro, levando a criança a usá-lo durante muito tempo e consequentemente a prejudicar seus dentes.

Concluindo: se você é mãe passe a dedicar mais tempo a estar com seus filhos e seja presente na vida deles.

É importante olhar para o bebê, tocá-lo, demostrar todo o amor e afeto sentido por ele. Mesmo quando a mãe não possui mais leite e precisa amamentar com mamadeira, é necessário prestar atenção a este momento. Não fazer de qualquer jeito.

Notícias Relacionadas

Inspirações para o ano novo

Bauer, Amin e Kleinübing

A baixa qualidade da educação brasileira

A professora e colunista Ana Maria Dalsasso questiona os pais sobre a qualidade da educação nas escolas públicas do país. E você, está satisfeito?

O poder da mídia

A professora e colunista Ana Maria Dalsasso avalia a relação da mídia atual com a divulgação de informações sobre o novo tipo de gripe, o H3N2, à população.