Economia

Aluguel e venda de imóveis continuam em baixa, em Balneário Rincão

Apesar de já estar na alta temporada, o número de casas disponíveis ainda é alto.

Foto: Marciano Bortolin/DN Sul

Foto: Marciano Bortolin/DN Sul

Mesmo com a alta temporada, os corretores de imóveis de Balneário Rincão não estão tendo muito o que comemorar. Ao circular pelas ruas do município, é possível encontrar facilmente casas e salas comerciais disponíveis para aluguel ou venda. O número de imóveis fechados, mesmo nos fins de semana, também chama a atenção por quem transita pela cidade.

Em comparação com as temporadas passadas, o número de casas locadas diminuiu para mais da metade. “No geral, o aluguel de casas está 60% menor neste ano. O número de imóveis a venda até que não aumentou, mas o de casas que foram alugadas reduziu bastante”, ressalta o corretor de imóveis Sérgio Euzébio.

Para ele, a crise econômica vivenciada no país e a falta de jogo de cintura por parte dos proprietários foram determinantes para a queda. “Todo mundo foi atingido pela recessão, então isso contribuiu para esse número baixo. Além disso, os donos não têm o hábito de alugar por um período de tempo mais curto, como por 10 ou 15 dias. Geralmente querem alugar apenas para a temporada inteira. Então muitas pessoas deixam de locar imóvel aqui por isso”, explica.

Com informações do Portal DN Sul

Notícias Relacionadas

Carro argentino, ocupado por cinco pessoas, capota na BR-101

Duas vítimas foram encaminhadas ao Hospital de Jaguaruna pelo Corpo de Bombeiros

Dom Jacinto celebra aniversário com a comunidade

Durante sua homilia, o Bispo fez ênfase à mensagem sublinhada pelo Evangelho de que, apesar das preocupações do ser humano, seu refúgio se encontra em Deus.

Vinde e Vede reúne cerca de mil jovens da região em Criciúma

Eclipse solar é observado em cidades de SC