Segurança

Após investigações, mulher é presa por tráfico de drogas

Flagrante foi feito nesta quinta-feira, quando a Polícia Civil de Criciúma encontrou drogas e dinheiro na casa dela

Foto: Divulgação DIC - Criciúma

Foto: Divulgação DIC – Criciúma

A Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Criciúma prendeu em flagrante nesta quinta-feira uma mulher de 28 anos pela prática do crime de tráfico de drogas. De acordo com o delegado André Milanese, da DIC, a mulher estava sendo investigada há algumas semanas, pois havia denúncias de que ela vendia drogas em sua própria casa, localizada no bairro Paraíso, em Criciúma.

Conforme o site Engeplus, hoje pela manhã, agentes de Polícia Civil da DIC conseguiram flagrar a mulher no momento em que ela vendia drogas a um usuário. Ele conseguiu fugir, mas, na fuga, deixou cair no chão uma pedra de crack, recém comparada da traficante. Na sequência, os policiais foram até a casa dela, onde apreenderam 18 pedras de crack já embaladas para venda, duas porções de crack com o peso total de  75 gramas, suficientes para gerar até 300 pedrinhas, além da quantia de R$ 310 em dinheiro.

A mulher ainda conseguiu fugir quando percebeu que os policiais foram atrás do usuário, mas foi localizada nesta tarde. Ela estava escondida na casa de uma amiga, no bairro Boa Vista. Ela foi autuada em flagrante e encaminhada ao Presídio Santa Augusta.

 

Notícias Relacionadas

Ano letivo inicia com procura intensa pelo Ensino Médio e Técnico em conjunto, na SATC de Orleans

Pais de toda a região buscam na instituição, o diferencial na formação educacional de seus filhos.

Jovem de 23 anos é preso por tráfico de drogas em São Ludgero

Em ação conjunta da Polícia Civil e Militar, foram encontrados ainda 85 comprimidos de ecstasy

Caminhoneiro embriagado colide contra dois carros e foge da polícia em Orleans

Motorista seguiu dirigindo ainda por aproximadamente 3 km, até acatar a ordem de parada da Polícia Militar.

Motorista é flagrado dirigindo embriagado na SC-370, em Braço do Norte

Polícia ordenou parada, mas motorista desrespeitou.