Saúde

Pedágio da Associação de Amigos do Autista arrecada mais de R$ 15 mil

Voluntários estiveram espalhados em onze pontos de coletas.

Foto: Assessoria Voluntária da AMA

Apesar do tempo nublado e com risco de chuva, a Associação de Amigos do Autista – AMA de Criciúma arrecadou R$ 15.118,85 na 13ª edição do Pedágio da AMA. A mobilização aconteceu neste sábado (14) e contou com a participação de aproximadamente 100 voluntários, que ficaram das 8h às 13h espalhados em onze pontos de coletas.

De acordo com a diretora pedagógica e assistente social da AMA, Izolete Fátima Folchini Felippe, o valor arrecadado será destinado para sanar as contas de necessidades básicas da instituição. “Este valor pretende aliviar um pouco o nosso caixa. Ele será destinado para pagar as despesas da instituição como o aluguel, a conta de luz, de água, de internet, pagar o salário de alguns funcionários e outros gastos mensais da escola”, explica Izolete.

A estudante Marina Rosso já participou como voluntária em outras edições do pedágio. Para ela, cada doação recebida é uma forma de estimulo para servir no pedágio. “É motivador ver que as pessoas sempre ajudam. Mesmo sendo pouquinho, elas tem consciência que isso faz diferença na vida dos alunos da AMA. Me motiva vir aqui e lutar por essas crianças que precisam de ajuda”, pontua.

O pedágio ocorreu em onze pontos de coleta, sendo nove em Criciúma e dois em Içara. O novo ponto de coleta instalado em Criciúma, foi na rua Henrique Lage, no bairro Centro, próximo ao Posto São Pedro.

Foto: Assessoria Voluntária da AMA

Conheça a AMA

Fundada em outubro de 2004, a AMA iniciou seus trabalhos com sete alunos portadores do autismo. Atualmente, a escola conta com 96 alunos, entre três e 38 anos, de oito municípios da região.

Localizada em Criciúma, a entidade trabalha de segunda a sexta-feira das 8 às 12 horas, e das 13 às 17 horas. Ela oferece atendimento com pedagogos, aulas de educação física, artes, informática e atendimento da equipe técnica. Também realiza projetos juntamente com o 9º Batalhão de Polícia Militar (BPM), como cinoterapia e equoterapia, e com a Academia Via Corpo, com aulas de natação.

Colaboração: Assessoria Voluntária da AMA

Notícias Relacionadas

Diocese de Criciúma mobiliza comunidades para campanha SOS Santa Catarina

Moda Solidária arrecada roupas infantis em Criciúma

Alunos e professores da Unesc/Senai realizam ação em prol de crianças.

Mercado Solidário ultrapassa expectativas e arrecada mais de 10 toneladas

Com este resultado, as doações arrecadadas ao longo de todas as edições chegam as 37,1 toneladas.

Tubaronenses realizam campanha para bebê com síndrome rara

Doença faz com que Jonatas não tenha os movimentos do corpo. O tratamento no Brasil é apenas paliativo.