Geral

População se une em apoio à greve dos caminhoneiros, em Criciúma

Foto: Lucas Colombo / DN

Os protestos continuaram ao longe dessa sexta-feira (25) em todo o estado. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, até o fim do dia, foram registrados 118 trechos de rodovias federais e estaduais bloqueados. O número de manifestantes aumentou em comparação à quinta-feira, quando haviam 100 trechos com paralisação.

Nas rodovias estaduais, foram constatados 62 bloqueios, enquanto as estradas federais somam 56 pontos. O presidente Michel Temer assinou decreto de Garantia da Lei e da Ordem – GLO, que autoriza o emprego das Forças Armadas em casos de situações de perturbação da ordem pública. Após a decisão, o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, afirmou que 419 de um total de 938 pontos interditados em rodovias de todo o Brasil tinham sido liberados até a tarde de ontem.

Cresce apoio popular

As demonstrações de apoio aos caminhoneiros aumentaram na região e durante toda sexta-feira, várias pessoas continuaram indo às ruas para protestar. A maior concentração de manifestantes foi na Avenida Centenário, em Criciúma. Durante o período da tarde e noite, um grupo de motociclistas bloqueou o trânsito no local por alguns momentos.

Os manifestantes também realizaram o ato em frente ao 28º Grupo de Artilharia de Campanha – GAC, na rodovia Luiz Rosso, em Criciúma. Outros movimentos também aderiram à causa, os Unesc e Esucri em conjunto com a União Catarinense dos Estudantes – UCE participaram das ações. O protesto foi realizado em frente à Rodoviária de Criciúma. Os estudantes levaram faixas dizendo “democracia sempre é a solução”.

Em Içara, mais de mil pessoas protestaram durante a tarde. O comercio local fechou às portas das 15h às 16h em apoio aos manifestantes. A concentração convocada pela Câmara de Dirigentes Lojistas ocorreu na Praça da Matriz São Donato, percorreu o Centro da cidade após a passagem de aproximadamente 100 tratores e terminou na Praça do Imigrante, na Avenida Procópio Lima.

Com informações do Portal DN Sul

Notícias Relacionadas

Procon autua posto de combustíveis por preço abusivo em Criciúma

Operação irá fiscalizar 40 estabelecimentos do município, três já foram autuados.

Instituições de ensino da região informam sobre situação das aulas

Abastecimento chega ao limite em Imbituba

Postos de combustíveis e supermercados devem liquidar seus estoques até a próxima terça-feira (29).

Petroleiros deflagram greve de 72 horas a partir de quarta-feira