Economia

79,4% dos varejistas de SC apostam em resultado positivo para o dia dos pais

Levantamento da FCDL/SC também revela tíquete médio de até R$ 150.

Foto: Divulgação

O dia dos pais é aguardado pelo varejo catarinense com otimismo. Levantamento realizado pela Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Santa Catarina (FCDL/SC) revelou que 79,4% dos lojistas apostam que o resultado das vendas deve ser igual ou melhor do que o registrado no mesmo período do ano passado. A data é uma prévia do que deve ser o Natal, mais importante data para o comércio.

Para 46,06% o crescimento deve ser de até 5% no comparativo com a mesma data em 2017. O comportamento mais conservador também se reflete na previsão de tíquete médio. Para 79,39% o tíquete médio está abaixo de R$ 150 – sendo que 62,24% apontam a faixa entre R$ 51 e R$ 150.

Entre os itens mais procurados, segundo os lojistas, destaque para o perfume, bebidas e móveis que somam 29,7%), desbancando produtos tradicionais, como vestuário (preferido por 29,09%), acessórios (escolha de 18,18%) e calçados (alternativa com 15,15% da procura).

Na avaliação de Ivan Tauffer, presidente da FCDL/SC, essa melhora se deve principalmente em grande ao ciclo de corte de juros, iniciado pelo Banco Central. Outro fator determinante é a retomada do ritmo de consumo das famílias. A consulta foi realizada junto às empresas associadas com atuação no varejo nas 20 cidades catarinenses de maior índice de potencial de consumo.

Foto: Danilo Duarte – jornalista PalavraCom

Notícias Relacionadas

Feirão Roluza sorteia 11 vale compras em comemoração ao aniversário da loja

A loja está repleta de novidades para atender o movimento de fim do ano, com reposição semanal. Quem comprar na Roluza concorrerá a um carro 0 km.

Confira 7 sugestões de presentes tecnológicos e acessórios de celulares para o Natal

VEJA VÍDEO - Os produtos são bastante procurados pelos clientes e estão disponíveis na LC Celulares de Cocal do Sul e Urussanga.

Líder Atacadista inaugura sua quarta loja nesta sexta-feira, em Tubarão

A proposta do empresário José Carlos Esser, o Cau, é oferecer produtos de varejo com preço de atacado, promovendo economia e fomentando a economia na região.

Prefeitura e CDL firmam termo de fomento ao comércio de Orleans

Projeto de Lei aprovado na sessão da Câmara desta semana autoriza o repasse de R$ 30 mil para premiação da campanha Compre de Orleans