Trânsito

Aguardado há mais de 40 anos, asfalto chegará a SC-370 entre Rio Rufino e Urubici na Serra

A obra está orçada em R$ 129,58 milhões

Divulgação

A estrada estreita de terra, com buracos e pedras soltas entre Rio Rufino e Urubici, na Serra Catarinense, ficará no passado. Aguardado há mais de quatro décadas pelos moradores da região, o tão esperado asfalto vai se tornar realidade. Na tarde desta quinta-feira, 4, o governador Carlos Moisés determinou a licitação para a pavimentação da SC-370, no trecho de 29 quilômetros entre os dois municípios. A obra está orçada em R$ 129,58 milhões.

Na solenidade, na Comunidade da Consolação, em Urubici, o governador, que foi recepcionado por centenas de pessoas, com faixas de agradecimentos e homenagens, destacou as belezas da região e os benefícios que a pavimentação trará. “É o momento de tirar a poeira e a lama da vida das pessoas. São recursos que o Governo do Estado conseguiu economizar em uma gestão íntegra, de qualidade e por resultados. O nosso compromisso é entregar o melhor para Santa Catarina, com ações que possam diminuir o sofrimento das pessoas e proporcionar mais qualidade de vida. É isso que estamos fazendo”, afirmou o Carlos Moisés.

A obra será executada desde o entroncamento com a SC-112, em Rio Rufino, até o cruzamento com a SC-110, em Urubici. Conforme o secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira, a expectativa é de que em 45 dias seja escolhida a empresa que executará a obra.

“Esperamos entregar a ordem de serviço para o início das obras já na segunda quinzena de fevereiro. Entendemos a importância de melhorar e levar adiante obras estruturantes, indispensáveis e que muitas vezes são aguardadas há décadas. Hoje a palavra alegria se materializa. A população da região merece este investimento, merece todo reconhecimento e atenção. Essa é mais uma demanda histórica que o governo Carlos Moisés torna realidade,” destacou Thiago Vieira. O prazo de execução da obra é de 18 meses, contados a partir da emissão da ordem de serviço

O prefeito de Rio Rufino, Erlon Tancredo Costa, enfatizou que o desenvolvimento da região, tanto no setor agrícola, quanto turístico, depende exclusivamente da pavimentação. “Vivemos um momento histórico. São mais de 40 anos de expectativas, de sonhos, de espera. O asfalto vai fomentar o crescimento da região e vai melhorar a qualidade de vida dos moradores. A palavra de hoje é de gratidão ao governador Carlos Moisés e equipe pela receptividade e apoio.”

Emocionada, a prefeita de Urubici, Mariza Costa, compartilhou da opinião do prefeito Erlon e reforçou que a obra é um marco para o desenvolvimento dos municípios. “Vai impactar na agricultura, no turismo, além de garantir mais segurança e conforto para os moradores e usuários. Gratidão ao governador e equipe pela realização desse sonho da pavimentação.”

O fim das promessas

Angelita Heiddemann, residente há 49 anos às margens da rodovia, destacou que perdeu as contas de quantas vezes ouviu promessas que a estrada seria asfaltada. “O sofrimento é grande com a poeira, barro, buracos, mais os carros que estragam nessas estradas. Não tem mais condições de andar. Eu já tinha perdido as esperanças. Agora estamos confiantes. É preciso acabar com o nosso sofrimento.”

Luiz Lorenzetti, que mora na região há 67 anos, lembrou que há cerca de 45 anos foram feitos bueiros e pontes e naquela época o asfalto já era desejado. “Estamos sofrendo há muitos anos. Para os agricultores é uma dificuldade grande escoar a produção. Muitas vezes os produtos que saem daqui têm preço diferenciado justamente pelo alto custo do transporte. Já acreditamos muitas vezes que esse asfalto ia sair do papel e sempre acabávamos esquecidos. Agora estamos com esperança, sentimos que esse governador está interessado em fazer algo por nós. O dia é de agradecimento.”

Passar pelo trecho é uma tarefa que exige cautela, relatou o morador de Urubici Nabor Godinho de Souza Filho, que todos os dias usa a via para ir ao serviço, às margens da rodovia. “Trabalho na área do turismo no Morro do Campestre, e é uma dificuldade chegar até o local, geralmente a estrada está em péssimas condições. A pavimentação será uma benção, tanto para o desenvolvimento socioeconômico, quanto para turismo e agricultura. Os turistas reclamam da estrada de chão. Saindo essa pavimentação tudo vai melhorar. Hoje é um dia histórico.”

Atenção com a Educação Especial

O governador oficializou ainda repasses de R$ 300 mil para as Apae de Urubici. Os recursos serão usados para construção de área coberta e passarela na sede, para implementação de acessibilidade digital e para aquisição de mobiliário acessível para atendimento dos alunos da instituição.

Os recursos fazem parte do maior investimento da história da inclusão de Santa Catarina. Já são mais de R$ 200 milhões em projetos aprovados, que estão sendo disponibilizados para todas as regiões.

Acompanharam o ato os deputados estaduais Ana Paula da Silva (Paulinha), Dirce Heiderscheidt, Marcos Vieira, Volnei Weber, Nazareno Martins e Marcius Machado; o chefe adjunto da Casa Civil, Juliano Chiodelli, o assessor do governo na Serra Catarinense, Lucas Neves, além de vice-prefeitos, vereadores, comunidade e outras autoridades.

Notícias Relacionadas

Dez escolas municipais de Criciúma já tiveram seus documentos antigos digitalizados

Objetivo da Secretaria de Educação é criar acervo com decretos, cadastros de estudantes e professores, fotos históricas e demais documentos das unidades de ensino

Colégio Satc inicia transição de alunos para novas séries

Desafios e mudanças para os alunos que passam para o Ensino Fundamental são monitorados pelo corpo pedagógico

“Estamos perto de ver o topo da inflação”, diz presidente do BC

Campos Neto afirma que pode haver melhora no ano que vem

Queda de elevador deixa um homem ferido dentro de padaria em SC

Estado de saúde da vítima é estável; acidente aconteceu no bairro América