Geral

Aluna de Lauro Müller se classifica para Fase Regional da Olimpíada de Língua Portuguesa

Marielli Bett estuda na Escola Walter Holthausen e vai representar o município e o Estado em São Paulo. A jovem abordou o tema do carvão mineral em um artigo de opinião e agora espera o resultado para Etapa Nacional.

Divulgação

No início deste mês, a Escola Walter Holthausen, em Lauro Müller, recebeu uma ótima notícia. A aluna do terceiro ano do Ensino Médio, Marielli Bett se classificou para a Etapa Regional da 6ª Olimpíada de Língua Portuguesa que ocorre em São Paulo. Marielli participou da competição com o artigo de opinião intitulado “Berço Nacional do Carvão Mineral: tradição versus meio ambiente”.

A Olimpíada de Língua Portuguesa “Escrevendo o Futuro” está em sua 6ª edição e é um concurso de produção de textos e documentários para alunos de escolas públicas de todo país. O tema das produções é “O lugar onde vivo” e propicia aos alunos estreitar vínculos com a comunidade e aprofundar o conhecimento sobre a realidade local contribuindo para o desenvolvimento da cidadania.

O concurso tem como objetivo principal contribuir para a melhoria de ensino e aprendizagem da leitura e escrita. A Olimpíada é dividida em gêneros textuais: Poemas, Memórias literárias e Crônicas para as turmas do Ensino Fundamental, Documentário e Artigo de Opinião para o Ensino Médio.

Inicialmente os alunos da Escola Walter Holthausen produziram textos e destes dois documentários e cinco artigos de opinião foram escolhidos para representar a escola na Etapa Municipal. Para a Etapa Estadual dois trabalhos da escola foram aprovados. O primeiro foi o documentário produzido pela aluna Maria Anita de Oliveira Holderbaun, do segundo ano do Ensino Médio. Ela abordou o tema “Serra do Rio do Rastro e suas belezas”. A segunda escolha foi o artigo de opinião de Marielli Bett.

Após a Etapa Estadual, Marielli conseguiu se classificar para a Fase Regional que ocorre em São Paulo no mês de novembro. Na cidade paulista, a aluna e a professora Gerusa Citadin Righetto participarão de oficinas textuais, passeios culturais e terão a oportunidade de manter contado com professores universitários para aprimorar ainda mais o texto.

Marielli Bett conta que primeiro listou possíveis temas e depois definiu qual iria abordar no texto e qual seria sua posição sobre ele. Após a escolha do tema procurou ler, obter informações como notícias, dados e tudo que poderia utilizar para formar um bom artigo e conversar com o leitor sobre seu ponto de vista. Procurou também revisar a estrutura de um artigo para ter certeza que estava no caminho correto e acima de tudo leu e analisou os textos selecionados nos anos anteriores e buscou compreender e cumprir o máximo todos os critérios avaliativos.

Com tanto esforço a aluna conseguiu garantir uma das cinco vagas para a Etapa Regional diante de 162 textos de alunos de Santa Catarina. Agora a escola aguarda o trabalho selecionados para avançar para a Etapa Nacional e espera estar entre os 32 melhores trabalhos na Premiação Final.

Em doze anos, a aluna Marielli Bett é a primeira a representar a escola e o município em uma Etapa Regional da Olímpiada de Língua Portuguesa.

Notícias Relacionadas

Idosos da Inclusão Digital e Alfabetização de Lauro Müller escrevem cartas contando cotidiano durante pandemia

O acompanhamento feito aos idosos integrantes do programa é feito pelo Governo do Município, através da Secretaria de Assistência Social de Lauro Müller e do Centro de Referência em Assistência Social (Cras).

Governo de Lauro Müller inicia obras para revitalização em Centro de Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, no Barreiro

O novo serviço vai atender jovens e adolescentes que integram o serviço coordenado pelo Cras, dando acompanhamento em local adequado e revitalizado.

No mês de aniversário do ECA, Conselho Tutelar de Lauro Müller faz resumo da história e ações no município

Para lembrar e celebrar o aniversário do ECA, o Conselho Tutelar de Lauro Müller montou um histórico das ações realizadas desde 1994, ano de criação do órgão no município.

Voos de drones, para captar informações geográficas de Lauro Müller, começam na próxima semana

Trabalho de coleta de informações é parte do Projeto de Gestão Territorial desenvolvido pela Unesc para o município.