Educação

Aos 80 anos moradora de Içara volta à sala de aula

Depois de muitos anos longe dos bancos escolares Santa Maria Goulart dos Santos, de 80 anos, decidiu retornar à sala de aula. Incentivada por sua filha, Vanilda Dos Santos, também aluna da Educação de Jovens e Adultos (EJA) de Içara, dona Santa se tornou símbolo de persistência, força de vontade e dedicação para todos os colegas e à equipe da EJA.

Dona Santa, ou vovó Santa como é chamada por muitos, é natural de Içara, nascida e criada na comunidade de Esperança, é viúva e mãe de nove filhos, diz que sempre gostou de ser atuante. Casou-se muito nova, com apenas 14 anos, e dedicou sua vida à família e ao trabalho. “Sempre trabalhei na roça e também cuidei dos afazeres de casa. Fiz de tudo para que meus filhos terminassem os estudos, mas como era muito difícil naquela época e muitos não estudaram. Eu também frequentei muito pouco a escola, mas hoje me sinto realizada, satisfeita e feliz. Conheci pessoas novas e estou aprendendo coisas que jamais imaginei que aprenderia”, assinala entusiasmada.

Questionada sobre de onde vem tanta coragem e determinação, ela enfatiza que vem de Deus e da família. Ressalta ainda que gosta de ler a Bíblia e os livros do Padre Marcelo Rossi. “Estou amando tudo isso. É muito bom estudar aqui. A professora é muito paciente, querida e sempre que eu preciso está pronta para me auxiliar e tirar as minhas dúvidas”. A professora de alfabetização, Claudenir Calegari Ribeiro, afirma estar lisonjeada por ter uma aluna com 80 anos. “É um desafio gratificante e também um aprendizado”, disse.

Já o coordenador da Educação de Jovens e Adultos de Içara, Jairto Vitto Junior, que tomou a iniciativa de contar a história de dona Santa, acredita que voltar à sala de aula a essa altura da vida é o maior exemplo de não há idade para voltar a estudar. “Quando vi aquela senhora escrevendo em seu caderno, questionando a professora, querendo aprender, pude entender que não há idade para voltar a estudar. Minha curiosidade foi além e ela me contou a sua história. História essa que resolvemos levar ao conhecimento de todos para que sirva de exemplo e para mostrar às pessoas, que tem interesse de voltar a estudar, mas tem receio, que não é difícil superar o medo”.

E para encorajar aos que pensam em voltar aos bancos escolares dona Santa deixa um recado: “todos que têm vontade de estudar deveriam voltar. Tenham coragem como eu tive e busquem realizar os seus sonhos. Agradeço às pessoas que estão me ajudando e afirmo que a equipe da Educação de Jovens e Adultos faz um trabalho muito bonito. Um trabalho que tem a função de realizar sonhos, inclusive o meu”, comemorou.

A Educação de Jovens e Adultos de Içara conta, atualmente, com mais de 150 alunos distribuídos do primeiro ao nono ano do Ensino Fundamental. “A procura por vagas acontece diariamente. E é muito gratificante perceber a importância que as pessoas estão dando para o nosso projeto, pois toda a equipe desenvolve este trabalho com muito carinho e dedicação”, conclui Junior.

Colaboração: Ascom Içara

  • 1e381f776789775a5484fd0f9df845b5
  • aa69e667ada693a91704ac09fc688674
  • cc712cb084842b1989daee66ad16781a
  • b2310b7652d9b18c1f5bef397664ed0c