Saúde

Após capacitação aos hospitais, inicia operação no Banco de Olhos da Região Sul

Fotos: Bruna Tomé Borges

O Banco de Olhos da Região Sul, em Criciúma, anexo ao Hospital Materno-Infantil Santa Catarina – HMISC, está apto a funcionar a partir desta sexta-feira (20). Se houver doadores de córnea, profissionais dos hospitais da Região já estão capacitados para conversar com os familiares.

A capacitação sobre Processo de Doação e Transplante de Tecido Ocular foi realizada pela Central Estadual de Transplantes de Santa Catarina (SC Transplantes) na tarde desta quinta-feira (19), na Agência de Desenvolvimento Regional – ADR de Criciúma.

O curso reuniu enfermeiros, médicos e membros de direção dos hospitais São José, Materno-Infantil Santa Catarina e Unimed, de Criciúma; Regional de Araranguá; Nossa Senhora da Conceição, de Tubarão; São Donato, de Içara; São Roque, de Jacinto Machado; São Roque, de Morro da Fumaça; Dom Joaquim, de Sombrio; e São Marcos, de Nova Veneza.

Também participaram membros do Serviço de Verificação de Óbito – SVO, Laboratório Central de Saúde Pública – Lacen, Cruz Vermelha, Polícia Civil, Conselho Regional de Medicina – CRM, prefeitos da Associação dos Municípios da Região Carbonífera – Amrec e secretários municipais.

Até então, a atividade de recepção de doações no Sul do Estado se restringia principalmente aos hospitais Regional de Araranguá; São José, de Criciúma; e Nossa Senhora da Conceição, de Tubarão; e as córneas eram levadas para serem tratadas em Florianópolis.

O responsável técnico pelo Banco de Tecido Ocular de Florianópolis e agora também pelo Banco de Olhos da Região Sul, Dr. Rodrigo Cavalheiro, ficou impressionado com a estrutura do Banco em Criciúma. “É de primeiro mundo. O próximo passo é estimular os médicos da Região a começarem a fazer transplantes pelo SUS. Vamos ajudar aqui até que este Banco comece a andar sozinho”, destacou.

Próximo passo: transplantes no Sul

O secretário de Estado da Saúde, Acélio Casagrande, lembrou que há 73 dias foi chamado na Amrec, quando os prefeitos solicitaram apoio do Governo do Estado para que o Banco de Olhos começasse a funcionar. “Tenho que enaltecer o esforço do coordenador estadual de Transplantes de Santa Catarina, Dr. Joel Andrade. O Ministério da Saúde marcou a vistoria para o próximo dia 27. Esta equipe maravilhosa que vai estar à frente do nosso Banco de Olhos, que está vindo de Florianópolis, é hoje reconhecida nacionalmente. Estou muito contente em poder dizer: está aí o Banco de Olhos da Região Sul. Nos próximos dias eu e Dr. Joel vamos voltar ao Sul para tratar também dos transplantes de córneas”, enfatizou.

Homenageados se emocionam

Além da capacitação, a quinta-feira foi marcada por homenagens a 13 pessoas e instituições que trabalharam ao longo dos anos em prol das doações de córneas no Sul do Estado e em favor do Banco de Olhos, que volta a funcionar depois de oito anos desativado, e em novas instalações.

Foram homenageados pela SC Transplantes, com a entrega de placas, o governador Eduardo Pinho Moreira, representado pelo secretário de Estado da Saúde, Acélio Casagrande; e o próprio secretário, pelo esforço em prol da reabertura do Banco de Olhos da Região Sul.

Em nome da Secretaria de Estado da Saúde – SES, o secretário Acélio Casagrande entregou placas ao oftalmologista Dr. Henrique Packter, pelo profissionalismo e pioneirismo ao realizar o primeiro transplante de córneas no Estado de Santa Catarina, no Hospital São José, em 1972; ao Hospital São José, em reconhecimento ao trabalho desenvolvido em prol dos pacientes que aguardam por transplante em Santa Catarina; a Almir Fernandes de Souza, em reconhecimento ao trabalho desenvolvido de forma competente e voluntária na doação e remoção de tecidos oculares; a Eliana Andrade, presidente do Banco de Olhos da Região Sul; a Adauto de Souza; em reconhecimento ao trabalho desenvolvido no Banco de Olhos; a Tito Lívio de Assis Góes, pela assessoria jurídica ao Banco de Olhos; a Maria Dal Farra Naspolini, ex-prefeita de Criciúma que na época contribuiu com o funcionamento do Banco de Olhos; à desembargadora Janice Goulart Garcia Ubiali, que através do seu trabalho lutou para viabilizar verbas ao Banco de Olhos; à Câmara de Vereadores de Criciúma, pelo esforço feito ao longo dos anos ao prol do Banco de Olhos; a Cintya Maria Barbato, enfermeira do Banco de Olhos da Grande Florianópolis que atuará neste início das atividades no Banco de Olhos da Região Sul de Santa Catarina; e ao Dr. Joel Andrade, coordenador da SC Transplantes que, através do seu trabalho levou o Estado à liderança nacional em doadores de órgãos por milhão de população desde 2006.

Colaboração: Bruna Tomé Borges / Comunicação Secretaria de Estado da Saúde

  • Banco de Olhos da Região Sul
  • SAMSUNG CSC
  • SAMSUNG CSC
  • SAMSUNG CSC
  • SAMSUNG CSC
  • SAMSUNG CSC
  • SAMSUNG CSC
  • SAMSUNG CSC
  • SAMSUNG CSC
  • SAMSUNG CSC
  • SAMSUNG CSC

Notícias Relacionadas

Prefeitura realiza doação de terrenos para empresas e fomenta geração de empregos em Criciúma

Localizadas no Loteamento Industrial Vila Natureza, áreas foram destinadas para duas empresas. Objetivo é a geração de empregos e renda às famílias

Coronavírus em SC: Estado recebe doação de 160 mil litros de combustível para combate à pandemia

São 80 mil de gasolina e outros 80 mil litros de óleo diesel S10 para ser usado na frota das instituições que atuam de forma presencial no combate à Covid-19

Desconto nos salários: prefeito, vice e secretários de Braço do Norte cumprem doação de 20%

Ao todo foram depositados R$ 6.594,30 na conta do Fundo da Secretaria Municipal de Saúde e R$ 6.594,30 na conta do Fundo Municipal de Assistência Social, totalizando R$ 13.188,60.

Hospital São José recebe doação de argamassas, rejuntes e pisos para o setor de radioterapia

Os materiais foram doados pelo Grupo Inkor, de Imbituba, e pelas empresas Eliane, de Cocal do Sul.