Esporte

Após idas e vindas, Tigre joga neste domingo

Partida estava reagendada para Jaraguá do Sul, chegou a ser suspensa, mas será disputada no estádio Heriberto Hülse. Prefeito concede autorização para a realização da partida.

Divulgação

Originalmente marcada para o dia 4 de março, a partida entre Criciúma e Chapecoense foi suspensa, na semana passada, com a determinação de paralisação do Campeonato Catarinense colocada pela Federação Catarinense de Futebol (FCF). Na sexta-feira passada, dia 5, a diretoria da FCF restabeleceu um novo calendário e agendou a partida para este domingo, dia 14. Porém, neste intervalo, o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro, assinou um decreto e proibiu a realização de práticas esportivas na cidade, incluindo as disputas profissionais. Assim, a FCF transferiu o jogo para Jaraguá do Sul. Na terça-feira, dia 9, outro entrave: a prefeitura da cidade do Norte do Estado também assinou um documento proibindo a partida. Assim, o confronto foi suspenso por tempo indeterminado.

A surpresa aconteceu na tarde de quinta-feira. Em um novo movimento, Salvaro revogou o decreto que paralisava a realização dos jogos de futebol profissional e amador no território de Criciúma. Com isso, o presidente do clube, Anselmo Freitas, confirmou a partida entre o Tigre e a Chape para este domingo, dia 14, às 16 horas, no estádio Heriberto Hülse. O novo decreto entra em vigor nesta sexta-feira, dia 12.

Desta forma, a equipe que se preparava para o jogo da Copa do Brasil, diante do Marília (SP), agendado para quarta-feira, dia 17, às 16 horas, no interior paulista, volta às atenções para o confronto diante do Verdão do Oeste –válido pela terceira rodada do Catarinense.

Com informações do site TNSul

Notícias Relacionadas

Argel deixa o Tigre com 40% de aproveitamento

Passagem é a pior entre as três que o treinador teve pelo Tricolor Carvoeiro.

Tigre empata em casa e decepciona torcedores

Criciúma ficou no 0 a 0 com o Juventude na estreia do técnico Mazola Júnior. Equipe afunda na zona de rebaixamento e soma apenas um ponto na competição.

Beto Campos, ex-técnico do Criciúma, morre aos 54 anos

Morre Soares, aos 54 anos, campeão da Copa do Brasil pelo Tigre