Geral

Aprendizado e solidariedade: Aulão do Bem será neste sábado

Encontro promovido pelo Sou ÚNICO Pré-Vestibular acontece a partir das 8h, no auditório do Colégio São Bento.

Foto: Divulgação

Buscando unir muito aprendizado e solidariedade, um dia antes do vestibular da Acafe, acontece neste sábado (23), o Aulão do Bem, cuja entrada custará apenas um quilo de alimento não perecível. O encontro é promovido pelo Sou ÚNICO Pré-Vestibular e será realizado das 8h às 13h, no auditório do Colégio São Bento.

A aluna Gabriela Guglielmi, de 23 anos, busca aprovação para o curso de Medicina e, por isso, é presença confirmada no aulão. “Porque sempre busco estar melhor preparada e conseguir revisar os principais conteúdos, além de pegar dicas importantes para o dia da prova. As aulas costumam ter um clima mais leve e acredito que será também assim neste sábado, o que nos deixa mais tranquilos”, ressalta.

Conforme a professora de Geografia do Sou ÚNICO, Cléo Albuquerque, a expectativa é reunir 500 alunos e todos os alimentos que forem arrecadados serão destinados posteriormente a duas instituições filantrópicas de Criciúma. “Por conta do vestibular da Acafe, que acontece nesse domingo, será um aulão aberto ao público e focado nas possíveis conteúdos que deverão ser cobrados. Um coquetel ainda será serviço na metade da manhã e haverá, também, sorteio de brindes aos presentes”, completa.

Por fim, o professor de Biologia, Marcelo Miranda, ressalta que o aulão não salvará ninguém que não tenha estudado anteriormente para o vestibular. “Mas servirá para tranquilizar e, de forma descontraída, tirar o estresse e a ansiedade dos estudantes, ao mesmo tempo em que são revisadas as questões que tem grande chance de cair na prova”, argumenta.

Mais informações podem ser obtidas no próprio Sou ÚNICO Pré-Vestibular, por meio do contato (48) 3045-1600.

Dicas para o vestibular

Entre os assuntos que poderão ser abordados no vestibular da Acafe, no próximo domingo, 24, os professores elencam alguns tópicos importantes, como a Copa do Mundo, Guerra da Independência de Israel, tratados entre Estados Unidos e Coreia do Norte, surto de febre amarela, epidemia de sífilis, casos de intolerância, direitos humanos e meio ambiente. “É uma prova que aborda assuntos bastante específicos de cada disciplina e muito voltada para o Brasil”, finaliza Cléo.

Por fim, em relação à redação, o professor Mateus Mariot destaca que os alunos são orientados a lerem atentamente os textos motivadores, organizando os posicionamentos de acordo com a proposta; fazerem, rapidamente, uma explosão de ideias para relembrar informações importantes; organizarem as informações conforme a estrutura textual, percebendo a coerência da tese com os argumentos; pensarem a conclusão a partir de uma síntese que elenque os principais pontos argumentados no texto; e produzirem a versão final dando atenção à correção gramatical, bem como aos aspectos estéticos.

Colaboração: ​​Francine Ferreira

Notícias Relacionadas

Casa de Repouso Bom Jesus inaugura oficina recreativa, em Criciúma

Prefeitura realiza doação de terrenos para empresas e fomenta geração de empregos em Criciúma

Localizadas no Loteamento Industrial Vila Natureza, áreas foram destinadas para duas empresas. Objetivo é a geração de empregos e renda às famílias

Mercado Solidário ultrapassa expectativas e arrecada mais de 10 toneladas

Com este resultado, as doações arrecadadas ao longo de todas as edições chegam as 37,1 toneladas.

Solidariedade: engajamento da população garante realização da cirurgia de Davi