Geral

Arroio do Silva: Sargento militar mata a ex-esposa e tira a própria vida

Feminicídio seguido de suicídio foi presenciado pela filha do ex-casal; Tragédia ocorreu na manhã dessa quinta-feira, no bairro Golfinhos.

Divulgação

Um sargento da reserva da Polícia Militar matou a ex-esposa e depois cometeu suicídio na manhã dessa quinta-feira, dia 10 em Balneário Arroio do Silva. A tragédia aconteceu pouco depois das 7h, após uma ferrenha discussão entre ambos na casa da vítima, localizada no bairro Golfinhos. A filha do ex-casal, de 30 anos, presenciou a cena.

O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas ao chegar ao local, encontrou os corpos da mulher de 59 anos, e do homem de 61, já sem os sinais vitais. A Polícia Militar e o Instituto Geral de Perícias também estiveram no local para atender a ocorrência.

Informações preliminares dão conta de que o sargento aposentado teria ido à residência ainda na noite de ontem, onde dormiu. Hoje pela manhã, a filha acordou com o barulho da discussão. Em dado momento, o homem sacou uma arma de fogo e desferiu disparos contra a ex-esposa. Depois, se matou com um tiro no peito.

Os corpos serão encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Araranguá.

Com informações do site TNSul

Notícias Relacionadas

Três gerações apostam na educação como pilar para a vida

Famílias têm suas histórias escritas junto com a trajetória da Satc

Paróquias de Criciúma realizam Caminhada pela Vida e pela Paz

Os participantes são convidados a usar camisetas, lenços ou bandeiras na cor branca.

Homem é preso após ameaçar ex-esposa em Orleans

O homem de 55 anos já cumpriu penas por vários crimes e estava em regime aberto.

Médica catarinense que morreu após câncer, deixa carta de despedida com reflexões e conselhos: ‘A vida é hoje’

'Tomem as rédeas de suas vidas' e 'Vivam, cada um é dono da sua trajetória' foram algumas das lições deixadas por Larissa Andressa Medeiros, de 40 anos.