Giro Estadual

Assassinato por causa de ovos fritos termina com 12 anos de prisão em SC

Foi o segundo homicídio cometido pelo jovem de 19 anos; caso aconteceu em Ituporanga

Giroflex PM foto noturna

Divulgação

O assassinato de um homem por causa de ovos fritos em Ituporanga chegou ao Tribunal de Justiça nesta quarta-feira (28). O criminoso, atualmente com 19 anos, recebeu sentença de 12 anos de prisão por matar o colega de serviço por motivo fútil e uso de meio cruel. Ele deve cumprir a pena, incialmente, em regime fechado.

O crime que chocou o Alto Vale do Itajaí ocorreu em agosto do ano passado. Além de trabalharem juntos, os dois também dividiam moradia até que um dia a vítima questionou o assassino sobre o motivo de não ter deixado ovos fritos para ele e ainda ter sugerido que cada pessoa da casa contribuísse na compra dos alimentos.

Irritado com as cobranças, o agressor pegou uma faca e desferiu 11 golpes no pescoço, rosto, peito e costas do amigo. O assassinato bárbaro levou o júri a condená-lo por homicídio duplamente qualificado. A sentença será cumprida no Presídio Regional de Rio do Sul, onde o criminoso está desde o homicídio.

Segundo a Polícia Civil, quando adolescente, ele já havia matado uma mulher de 41 anos em Pernambuco.

Com informações do NSCTotal

Notícias Relacionadas

SC chega a 70% da população vacinada com a 1ª dose contra Covid

Com avanço da imunização, Estado apresenta melhora na matriz de risco para a doença

CCR ViaCosteira informa cronograma semanal de obras na BR-101 Sul

Para a execução desses os serviços são necessários bloqueios de faixas e operações pare-e-siga, podendo ocasionar lentidão ou retenção de veículos em alguns segmentos

Prazo para aderir ao Refis em Criciúma encerra nesta quinta-feira

Contribuintes terão direito a descontos em juros e multas que podem chegar a 50%. Os valores serão destinados a serviços de saúde

SC estuda dispensar uso de máscaras em ambientes abertos em outubro

Uso seria opcional e medida depende do avanço da vacinação