Geral

Aumentam os pontos impróprios para banho no Sul

Além de Balneário Arroio do SIlva, Balneário Rincão, Laguna e Garopaba possuem locais inadequados.

Foto: Divulgação

Os dados de balneabilidade pioraram no litoral catarinense no relatório divulgado pelo Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina – IMA nesta sexta-feira (18), referente aos dias 14 a 18 de janeiro. Segundo o resultado, 66,4% dos pontos analisados estão próprios para banho, número inferior ao último relatório, em que 72,9% dos locais estavam aptos a receber banhistas.

Se na última semana a região Sul de Santa Catarina viveu seu melhor momento nesta temporada de verão, com apenas um local impróprio para banho, a situação mudou. No total, agora são quatro pontos impróprios para mergulho. Além de Balneário Arroio do Silva, também foi constatado lugares inadequados para banho no Balneário Rincão, em Laguna e em Garopaba.

No Balneário Arroio do Silva, o ponto impróprio permaneceu o mesmo dos últimos dois relatórios, nos dias 2 e 7 de janeiro, o local que os banhistas não devem entrar na água fica a 100 metros ao sul do arroio.

As novidades ficaram por conta do arroio da praia de Balneário Rincão, da rua Lauro S. Müller em Garopaba e da entrada da praia de Laguna que passaram para pontos impróprios para banho. O local em Laguna tinha retornado à condição de próprio no último relatório, porém, voltou a situação negativa.

Em Florianópolis, os dados também pioraram, dos 85 locais analisados, 62 estão adequados para banho, o que representa 72,9%. Na última estatística eram 73,8% dos locais liberados. Ao todo, foram analisados 144 pontos de coleta, no qual recomenda-se o mergulho em 90 destes.

O IMA alerta que os banhistas evitem entrar no mar por, no mínimo, 24 horas após chuvas fortes. Os relatórios sobre balneabilidade são divulgados semanalmente em 25 municípios do Estado e estão disponível para consulta no site balneabilidade.ima.sc.gov.br.

Com informações do Émerson Justo / Portal 4oito

Notícias Relacionadas

Programação da Semana Mundial do Meio Ambiente convida à reflexão, em Orleans

“Lutar contra o aquecimento global começa pela água tratada e pelo saneamento”, diz jornalista Sônia Bridi em palestra

Domingo de sol e temperaturas de até 38°C

Previsão indica que, o pico dessa onda de calor deverá ocorrer os dias 2 e 3 de janeiro, com a máxima na casa dos 40ºC.

Domingo será de sol em Santa Catarina