Segurança

Autores de homicídio bárbaro se apresentam na DIC de Criciúma e são presos

Voluntariamente, jovens de 28 anos e 21 anos se apresentaram para prestarem esclarecimentos sobre o homicídio de Filipe da Silva Martinho.

Foto: Daniel Búrigo

Voluntariamente, L. S., de 28 anos, e T. S. M., de 21 anos, se apresentaram na Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Criciúma nesta segunda-feira, dia 25, para prestarem esclarecimentos sobre o homicídio de Filipe da Silva Martinho, que foi brutalmente assassinado com golpes de faca e pedradas na noite do dia 18 de setembro, no bairro Rio Bonito, em Criciúma.

As investigações realizadas pela Divisão de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) esclareceram que o crime foi praticado pelos irmãos L. S. e T. S. M., em decorrência de discussão familiar envolvendo a guarda de uma sobrinha dos autores, que era enteada da vítima.

Em razão das robustas provas, o Juízo da 1ª Vara Criminal de Criciúma decretou a prisão temporária dos investigados, cujo paradeiro era desconhecido desde a noite dos fatos, tendo os dois se apresentado nesta data acompanhados de advogado, juntamente com a mãe e irmã (esposa da vítima), que presenciaram o ocorrido e também estavam em local incerto desta a data do homicídio.

Ambos confessaram terem desferido as facadas e pedradas que resultaram na morte de Filipe, alegando terem agido por medo de sofrerem represália da vítima, que, durante a briga, teria os ameaçados de morte. Eles foram encaminhados ao presídio e, ao final do Inquérito Policial, será representado pela conversão de suas prisões temporárias de 30 dias em prisão preventiva.

Com informações do Portal TN Sul

Notícias Relacionadas

Sentença de pronúncia levará para júri casal acusado por homicídio cometido com espada em Orleans

Segundo os autos, os crimes aconteceram em março deste ano, no bairro Rio das Furnas

DIC de Criciúma apreende 1,5 kg de maconha e munição de calibre restrito

Revólver, munições e droga são encontrados durante blitz realizada pela PMRv de Içara

Polícia Civil cumpre mandados contra suspeitos de latrocínio em Sombrio