Geral

Bolsonaro dá o primeiro passo para privatizar os Correios

Presidente da República pensa que a estatal apresenta irregularidade e prejuízos.

Foto: Divulgação

Por meio do Twitter, o presidente da República, Jair Bolsonaro, informou que autorizou a realização de estudos para a privatização dos Correios. Ao longo da campanha eleitoral o político já dava sinais de que poderia buscar este caminho para a empresa. Na postagem citou as suspeitas de irregularidades envolvendo a estatal.

“Demos OK para estudo da privatização dos Correios. Temos que rememorar para a população o seu fundo de pensão. A empresa foi o início do foco de corrupção com o mensalão, deflagrando o governo mais corrupto da história. Com o Foro de SP destruíram tudo nome da Pátria Bolivariana”, escreveu o presidente.

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos tem 356 anos de história, sendo atualmente ligada ao Ministério das Comunicações, Ciência, Tecnologia e Inovação. No ano passado o lucro foi de R$ 161 milhões, sendo de R$ 667,3 milhões em 2017, mas em 2016 tiveram prejuízo. A recuperação veio com o lançamento de ações e renegociação de dívidas.

Com informações do site 4oito

Notícias Relacionadas

Ciclone em SC: Bolsonaro garante apoio do Governo Federal para reconstrução de estruturas danificadas

Governador solicitou que Aneel modifique protocolos de linhas subterrâneas de energia, para minimizar danos

Bolsonaro sanciona MP que criou programa de manutenção do emprego

Medida prevê suspensão de contratos e redução de jornada e salários

Bolsonaro sanciona medida que concede R$ 16 bi a estados e municípios

Presidente vetou um dos dispositivos da MP

TST decide julgar dissídio da greve dos trabalhadores dos Correios

Julgamento ainda não tem data marcada pelo tribunal