Política

Bolsonaro é esfaqueado durante ato de campanha em Minas Gerais; VEJA VÍDEO

O presidenciável foi levado para o hospital e passa bem, segundo familiares.

Foto: Fabio Motta/Estadão

O candidato à Presidência da República do PSL, Jair Bolsonaro, foi esfaqueado durante ato de campanha em Juiz de Fora na tarde desta desta quinta-feira, 6. O presidenciável foi levado para o hospital e passa bem, segundo familiares. A agenda do candidato foi cancelada. De acordo com Flavio Bolsonaro, filho do presidenciável, o ferimento foi superficial. As informações são do Folha de São Paulo.

“Jair Bolsonaro sofreu um atentado agora em Juiz de Fora, uma estocada com faca na região do abdômen. Graças a Deus, foi apenas superficial e ele pesa bem. Peço que intensifiquem as orações por nós!”, escreveu Flávio Bolsonaro no Twitter.

O agressor foi detido, segundo a Polícia Federal. De acordo com a Coluna do Estadão, a PF vai instaurar inquérito para apurar a agressão. Bolsonaro estava sendo carregado por apoiadores no momento em que sofreu o ataque.

Antes do ataque, tumultos, tensão e bate-boca marcaram a visita do presidenciável ao hospital filantrópico da Associação Feminina de Prevenção e Combate ao Câncer (ASCOMCER) e também um almoço com o candidato em um hotel em Juiz de Fora, Minas Gerais, nesta quinta-feira, 6.

Pacientes idosos em tratamento contra a doença tiveram dificuldade para entrar na unidade, devido a um cordão de isolamento feito por integrantes de um movimento conservador da cidade. Vestidos de preto, eles se diziam policiais e afirmavam fazer “segurança voluntária” do candidato.

Veja vídeo do momento do ataque

Notícias Relacionadas

Apoio ao candidato Vitorassi para eleição da Coorsel se intensifica durante reuniões com associados

Na noite de hoje (16), às 19h30min, os associados da comunidade de São Gabriel são convidados a participarem do encontro com os candidatos, em Treze de Maio.

Jovens de 11 e 12 anos dão uma facada em idoso durante roubo em Sangão

A vítima de 60 anos foi levada para o hospital. A ocorrência foi registrada pela Polícia Militar por volta das 16h50 deste domingo (20).

Em visita ao estado, ministro da Saúde elogia política catarinense de enfrentamento à pandemia

O ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello, participou de uma reunião de trabalho com o governador Carlos Moisés e outras autoridades catarinenses na Casa D´Agronômica na manhã desta quarta-feira, 22.

Bolsonaro sanciona medida que concede R$ 16 bi a estados e municípios

Presidente vetou um dos dispositivos da MP