Trânsito

BR-376 volta a ser interditada e registra filas quilométricas entre PR e SC

Rodovia foi interditada de forma preventiva por causa do alto volume de chuva na região

Foto ilustrativa: Arteris/Divulgação

A BR-376 foi novamente interditada no trecho próximo à divisa entre Paraná e Santa Catarina na madrugada desta quinta-feira (2). O bloqueio, segundo a Arteris Litoral Sul, concessionária que administra a rodovia, tem caráter preventivo.

Nas últimas horas, choveu muito na região de Guaratuba e, por isso, o km 669, em Guaratuba (PR), foi interditado. O trecho fica próximo de onde houve o deslizamento de encosta em novembro, quando dois caminhoneiros morreram ao terem os caminhões arrastados pela terra.

Por causa da interdição, a retenção dos veículos no sentido Sul ocorre já no posto da PRF (Polícia Rodoviária Federal) em Tijucas do Sul, no km 662. Já no sentido Norte, os veículos são impedidos de passar no km 1 da BR-101, no pedágio de Garuva.

Quer receber as principais notícias da região? Clique aqui e entre no nosso grupo de WhatsApp e fique atualizado de forma rápida e confiável 

De acordo com a Arteris Litoral Sul, às 7h, já havia mais de 14 quilômetros de fila no sentido Norte e 12 quilômetros no sentido Sul. Não há previsão de liberação da rodovia.

A concessionária deve seguir acompanhando o volume das chuvas na região para, em parceria com a PRF, decidir sobre a reabertura da BR-376.

Com informações do ND+

Notícias Relacionadas

Serra do Rio do Rastro fica interditada temporariamente após vendaval

Houve queda de algumas pedras, árvores e postes sobre a rodovia. Nesta manhã de terça (12), o trânsito flui normalmente no trecho, porém, com registro de vento e muita chuva.

Desmoronamento de pedras na Serra do Rio do Rastro deixa SC-390 parcialmente interditada

Rodovia teve uma pista bloqueada por 150 metros na madrugada desta sexta-feira.

MPF abre procedimento para apurar responsabilidade da PRF no deslizamento da BR-376

Deslizamento na rodovia arrastou veículos na noite de segunda-feira (28); estimativa é de cerca de 30 vítimas soterradas

Após queda de barreira, BR-101 permanece interditada no Morro dos Cavalos

Segundo a Concessionária Arteris, não há previsão de liberação da via