Geral

Câmara de Urussanga vota cassação do prefeito nesta segunda-feira

Está marcada para esta segunda-feira a sessão de julgamento relativo ao processo do prefeito afastado, Luiz Gustavo Cancelier.

Foto: Divulgação

A sessão que aconteceria na Câmara de Urussanga neste domingo, e que poderia resultar na cassação do vereador Rozemar Sebastião, o Taliano, do PDT, foi suspensa pela justiça mas, está marcada para esta segunda-feira a sessão de julgamento relativo ao processo do prefeito afastado, Luiz Gustavo Cancelier.

A Comissão avaliou a conduta do prefeito em razão de processo de investigação referente a contratos com o Finisa, para a pavimentação de ruas, que foi deflagrado em maio de 2021 com a Operação Benedetta.

O relatório é a favor da cassação do prefeito e a sessão está marcada para as 9 horas. Dos três integrantes da Comissão, foram dois votos a favor do relatório: Luan Varnier, do MDB e Fabiano Murialdo de Bona, do PSDB. Odivaldo Bonetti, o Bonetinho, do PP, foi o voto contrário.

Nos bastidores da política em Urussanga a informação corrente é que o placar não seja suficiente para a cassação do prefeito afastado, Luiz Gustavo Cancellier, do PP.

São três vereadores do PP, partido do prefeito e Rozemar Sebastião, o Taliano, do PDT, que provavelmente votam contra a cassação. Caso a conta se concretize, serão cinco votos a favor e quatro contra mas, para a cassação são necessários seis votos.

Com informações do ND+

Notícias Relacionadas

TRF4 manda afastar do cargo prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, preso na Operação Chabu

Determinação é que fique 30 dias fora das funções e não faça contato com demais suspeitos de envolvimento na operação. PF investiga a violação de sigilo de operações policiais

Desconto nos salários: prefeito, vice e secretários de Braço do Norte cumprem doação de 20%

Ao todo foram depositados R$ 6.594,30 na conta do Fundo da Secretaria Municipal de Saúde e R$ 6.594,30 na conta do Fundo Municipal de Assistência Social, totalizando R$ 13.188,60.

Garis participam de café comemorativo com prefeito em celebração ao dia da profissão

O prefeito Valdir aproveitou a oportunidade para agradecer aos colaboradores

“Não é verdade, o Instituto Murialdo não vem para cá”, afirma prefeito de Orleans; VEJA VÍDEOS

Em audiência pública, representantes do ILEM também pediram revogação do decreto de desapropriação de 34 hectares