Entretenimento

Carnaval Confete e Serpentina faz a festa de 2 mil pessoas, em Araranguá

Carnaval de salão do Grêmio Fronteira mais uma vez registrou lotação máxima do salão nobre Valmor Pacheco.

Fotos: Multi Comunicação

O salão nobre Walmor Pacheco, do Grêmio Fronteira, abriu as portas para a folia. Com muitos adereços e diversão, o espaço mais tradicional do Vale do Araranguá, quando o assunto é eventos sociais, recebeu mais de 2 mil foliões na última sexta-feira, dia 09.

E a organização foi o ponto alto da festa da alegria. Segundo o presidente do clube, Osmar Dagostin, o evento foi preparado para garantir a diversão dos foliões. “Agradeço imensamente a toda equipe que fez parte da organização, e aos diretores, que se envolveram e ajudaram o Confete e Serpentina a ser mais uma vez um grande sucesso”, comentou.

Na abertura, o grande público pôde prestigiar as passistas, porta bandeiras, rei momo e os homenageado deste ano da escola Unidos do Arroio: a cervejaria Saint Bier, que esteve representada por seu fundador Abrahão Paes. Na entrada do salão, os mais novos curtiram uma das novidades dos últimos anos, que mais uma vez foi sucesso garantido: a pista de funk/house, que ficou a cargo dos DJs Jack e Rafa Punk.

No centro do salão Walmor Pacheco, o público dançou as marchinhas mais famosas do carnaval ao som da Top Banda. Um dos organizadores, Everaldo Beleada, que também tocou os sucessos dos anos 80 durante o Confete e Serpentina, comemorou o sucesso do evento.

“Chegamos a mais de 2 mil pessoas, sendo um sucesso absoluto em todos os sentidos. Desde organização a festa em si. É mais um ano em que o Grêmio Fronteira consegue manter e consolidar o Confete e Serpentina como o melhor carnaval de salão da região”, disse.

Tradição esta que é ressaltada na criatividade de quem participa. Os blocos mais uma vez trouxeram para o Confete e Serpentina fantasias bem elaboradas. Já os foliões garantiram a animação da festa, que teve duração de oito horas de muita música. “Foi a festa da folia, exaltada de forma saudável, no qual a diversão foi protagonista”, completou Belada.

Colaboração: Multi Comunicação

  • 1
  • IMG_2145
  • IMG_2150
  • IMG_2162
  • IMG_2176
  • IMG_2177
  • IMG_2182
  • IMG_2184
  • IMG_2190
  • IMG_2197
  • IMG_2200
  • IMG_2201
  • IMG_2208
  • IMG_2215
  • IMG_2219
  • IMG_2222
  • IMG_2231
  • IMG_2246
  • IMG_2259
  • IMG_2268
  • IMG_2274

Notícias Relacionadas

Carnaval chegando com calor até a manhã de domingo

Tempo bom persiste e as máximas vão chegar perto dos 35 graus.

Congestionamentos marcam início do feriadão de Carnaval

O acesso a Laguna é o caso mais complicado neste início de noite de sexta-feira (09). Mais de três quilômetros de fila é registrado no trecho.

XI Feijoada da Montanha de Siderópolis: últimas camisetas começam a ser entregues

De acordo com a comissão organizadora, o lote de cerca de 500 peças já está quase esgotado. O Siderópolis Clube será o palco para o evento.

Oito retiros de carnaval reunirão mais de 2 mil pessoas na Diocese de Criciúma

Os retiros são voltados para o público jovem e um deles reúne pessoas de todas as idades. Momentos de oração e adoração são alguns dos pontos altos.