Geral

Catarinense morre em salto de base jump no RJ

Esportista de Joinville teria sofrido com a força do vento e e caiu sobre uma avenida da capital fluminense

Divulgação

Um esportista de Joinville morreu na tarde deste sábado (22) após um salto de base jump no Rio de Janeiro (RJ). Eduardo Giovani Carvalho da Silva tinha 36 anos e também era conhecido como “Sorriso”.

Segundo informações repassadas pela Polícia Civil ao portal G1, Eduardo era de Joinville, no Norte de SC, e teria ido ao Rio de Janeiro para saltar do alto da Pedra da Gávea, um dos principais pontos turísticos da capital fluminense.

O acidente ocorreu no bairro de São Conrado, Zona Sul do Rio. O esportista teria sofrido com a força do vento e, com isso, batido em um prédio e caído no meio da pista da Auto-Estrada Lagoa-Barra.

Um vídeo mostra o momento da queda e é possível ver o saltador com dificuldade de controlar o paraquedas, descendo no meio da pista. Não há informações se ele morreu com o impacto da queda ou foi atingido por algum veículo.

A esposa de Eduardo, Franciele Santos, confirmou a morte do marido em uma postagem nas redes sociais. Ela afirmou que ele morreu fazendo o que mais gostava. Informações sobre velório e sepultamento ainda não foram divulgadas.

“Nada pode me confortar nesse momento, mas eu sei que era o que te fazia feliz. Amava tudo isso”, escreveu, sobre uma foto de Eduardo.

Ela chegou a filmar o momento em que o marido saltou na tarde deste sábado. Antes de ele partir para o salto, ela desejou sorte: “vai com Deus, meu amor”. Nos perfis dos dois nas redes sociais é possível ver diversos vídeos de saltos em cidades de Santa Catarina como Jaraguá do Sul, Lauro Müller e Joinville.

“Nada pode me confortar nesse momento, mas eu sei que era o que te fazia feliz. Amava tudo isso”, escreveu, sobre uma foto de Eduardo.

Ela chegou a filmar o momento em que o marido saltou na tarde deste sábado. Antes de ele partir para o salto, ela desejou sorte: “vai com Deus, meu amor”. Nos perfis dos dois nas redes sociais é possível ver diversos vídeos de saltos em cidades de Santa Catarina como Jaraguá do Sul, Lauro Müller e Joinville.

O esporte

O base jump consiste no salto de pontos fixos, como penhascos, prédios, antenas e pontes, com um paraquedas para o pouso.

Ainda segundo o portal G1, o salto teria ocorrido de outro ponto próximo à Pedra da Gávea, porque a rampa onde originalmente ocorreria o salto estaria fechada porque as condições de vento não eram favoráveis.

Com informações do NSCTotal / G1

Notícias Relacionadas

Frentista carismático ganha carro novo de clientes em Criciúma

Sempre com o sorriso no rosto, Adilson é uma daquelas pessoas que não existe tempo ruim e faz questão de tratar todos com muita atenção e cordialidade.

Sem vencedores, Mega-Sena acumula e prêmio chega a R$ 21 milhões

Próximo sorteio acontece nesta quinta-feira (21).

Eventos são retomados no teatro municipal em Criciúma

As primeiras atrações estão programadas para hoje (20), sábado (23) e no dia 6 de novembro.

Dupla que aplicou golpe de R$ 10 mil contra idoso em Tubarão é identificada

Vítima perdeu aproximadamente R$ 10 mil. Os dois suspeitos seguem foragidos.