Clima

Catarinenses devem se despedir da neve nesta terça e se preparar para frio intenso

Com aproximação de massa de ar polar, tempo abre e temperaturas despencam

Os apaixonados por neve podem ter que se despedir dos flocos brancos nesta terça-feira. A chance do fenômeno ocorrer no Estado reduz a partir do final da manhã, com a aproximação do centro da massa de ar polar, que vem do Uruguai e da Argentina. A massa deverá deixar o tempo seco e fazer as temperaturas despencarem de vez durante toda a semana. Com esse cenário, aumentam as chances de geadas. 

A neve ainda pode ocorrer na manhã desta terça, em áreas altas do Planalto Sul, Meio Oeste e Planalto Norte. O fenômeno ocorre pela influência de uma onda de ar polar, fazendo as temperaturas beirarem os 0ºC, associada aos sistemas de vento em regiões altas da atmosfera e áreas de baixa pressão.

A partir do final da manhã desta terça-feira, a situação deve mudar. Como aponta a Epagri/Ciram, o centro da onda de ar polar se aproxima de SC, empurrando a umidade em direção ao oceano. Com isso, os próximos dias serão de sol e temperaturas ainda mais baixas, principalmente entre terça e quarta-feira.

Em São Joaquim, na Serra, a mínima nesta terça-feira pode chegar a -8ºC e, em Videira, no Meio Oeste, os termômetros marcam entre -5ºC e 4ºC. A meteorologista do órgão estadual, Gilsânia Cruz, explica que essas temperaturas inviabilizam as chances de neve.

"Em SC, a neve normalmente ocorre quando as temperaturas estão entre 0ºC e – 2ºC. Quando a temperatura fica muito negativa, o tempo fica seco e as chances de neve ficam reduzidas. Nesses casos, o fenômeno mais comum é a geada", reforça.

A possibilidade de geada aumenta em Chapecó, onde a mínima chega a -3ºC hoje, e a máxima beira os 6ºC. Nas demais regiões do Estado, pode gear entre a tarde e a noite desta terça-feira e o amanhecer de sexta-feira. Segundo Diário Catirnense, em Florianópolis, não há previsão de geada, mas os termômetros não ultrapassam os 4ºC.

O sol se mantém na quarta-feira, quando poderá ocorrer recordes de temperaturas negativas no Estado. As temperaturas mínimas ficam entre -10ºC e -8ºC em cidades como Urupema e Urubici, na Serra. O frio permanece também no litoral, com os termômetros marcando entre 0ºC e 4ºC, com chances de geada. 

Geada negra

Além da geada que pinta de branco os campos do Estado, a Epagri/Ciram aponta para as chances de geada negra — que congela o interior das plantas — nesta semana. O fenômeno pode ocorrer nas áreas altas do Oeste, Meio Oeste, Planalto Sul e Planalto Norte, principalmente na terça-feira, trazendo prejuízos para agricultores e pecuaristas.

  • 0a7358dc94241a8da18d7343634db920
  • p18063b0sdukkojssrp6bnvv93
  • p18063b0sd19usvdrivob551l4e4
  • p18063b0sd11eer51vu9puq93o5
  • p18063b0sdi24at21m0nd59rlf6