Geral

Centro Administrativo Tordesilhas está interditado

O prédio abrigava grande parte da estrutura administrativa do Governo Municipal

Como medida de saúde pública,  a Vigilância Sanitária interditou o Centro Administrativo Tordesilhas nesta segunda-feira, dia 1 de abril. O espaço abriga grande parte da estrutura administrativa do Governo Municipal.

A decisão foi comunicada, nesta tarde, durante reunião emergencial com os secretários municipais na sede da Secretaria de Educação, que funciona na antiga Câmara de Vereadores.

De acordo com o fiscal da Vigilância Sanitária, Alex da Silva de Bem, a interdição ocorreu devido os vazamentos oriundos da laje da edificação, cuja água estagnada entrou em contato com fezes de aves, tipo pombos, gerando grande risco á saúde pública. A contaminação é ocasionada pelo fungo cryptococcus neoformans, onde a transmissão se dá por meio de inalação.

No auto de intimação entregue ao administrador do centro Tordesilhas, o espaço é alugado, está à imediata limpeza, higienização e desinfecção e sanitização de toda edificação, compreendendo também a parte superior da laje.

Com os fortes ventos da última semana, mais de 70% do telhado do Centro Administrativo foi atingido. A água da chuva em contato com as fezes começou a invadir os departamentos municipais causando um forte odor, assim como, chegando pela rede elétrica e de internet. O Corpo de Bombeiros já esteve no local e a Defesa Civil do Estado.

Os secretários dos departamentos atingidos deverão informar nas próximas horas, os novos locais dos setores municipais, principalmente, para voltar a atender o público.

  • p17n49o4oc2kfbad16fnblhtgn4
  • p17n49o4ocj131jko1rlgfb01n4c5
  • p17n49o4oc192g7fo17ino7idon6
  • p17n49qjvpq8p14ng1mhu5nd15eg3
  • p17n49rkb610pva9e1an476f1k523