Geral

Ciclone em SC: Corpo de Bombeiros Militar encontra vítima desaparecida em Canelinha

Com esta morte, o CBMSC confirma 11 mortes em decorrência do ciclone, sem mais desaparecidos.

Divulgação/Secom

Na manhã desta segunda-feira (6), o Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC), em Tijucas, encontrou a décima primeira vítima do ciclone Bomba, que desapareceu em Canelinha.

Ao tentar atravessar de motocicleta uma ponte pênsil de pedestres, durante a passagem do evento climático, o homem de 53 anos acabou caindo nas águas do Rio Tijucas.

O corpo da vítima foi visto hoje às margens de uma fazenda, por volta das 11h45min, quando foi acionada a equipe d e resgate. Com esta morte, o CBMSC confirma 11 mortes em decorrência do ciclone, sem mais desaparecidos.

Duas pessoas morrem durante reconstrução de casas

Além dos óbitos diretos por conta do ciclone, também foram registradas duas mortes por queda, nas cidades de Garuva e Piçarras, por conta da reconstrução de casas.

Cuidados

Mesmo após o ciclone, é preciso ter cuidado para evitar novas ocorrências, por isso, é recomendado que a população não suba em telhados que estejam molhados, em árvores ou locais que estejam instáveis.

Nos casos de destelhamento a recomendação é que as pessoas não tentem subir em móveis, escadas ou no próprio telhado, para colocação de lonas, sem o equipamento de proteção individual para atuação em altura. Uma opção mais segura é proteger os móveis com as lonas, ou criar uma proteção interna.

Não tente reparar a rede elétrica por conta própria, chame um técnico especialista no assunto.

Cortes de árvore

O CBMSC realiza o procedimento de retirada de árvores quando estão interditando vias públicas ou quando há risco para uma residência. Não tente cortar árvores que estejam próximas a fiações, por risco de choque elétrico.

Nos casos de risco acione o 193, caso não se enquadre nestas situações, deve ser acionado um serviço particular.

Notícias Relacionadas

Ciclone em SC: SAMU atende mais de mil chamadas durante fenômeno que atingiu Estado

Nesta terça-feira (30), o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) atendeu 1257 chamadas nas oito macrorregiões do Estado de Santa Catarina, durante o ciclone que atingiu a região Sul.

Ciclone em SC: Governo do Estado prorroga pagamento de ICMS para atingidos por evento climático

Com isso, os contribuintes poderão pagar o imposto referente ao mês junho até o dia 10 de setembro.

Ciclone em SC: Equipes do Governo fecham segundo dia de trabalho intenso no reparo dos danos

Até a tarde desta quarta-feira, nove óbitos foram confirmados em Santa Catarina e duas pessoas continuam desaparecidas.

Ciclone em SC: Agricultores terão acesso a financiamentos do Plano Safra com juro zero

Os agricultores familiares de Santa Catarina, atingidos pelo ciclone bomba há um mês, poderão acessar crédito de custeio e investimento sem juros. A medida é possível com a combinação de esforços entre o governo federal e Governo do Estado.