Geral

Cidade de SC quer proibir venda de bebidas alcoólicas para pessoas bêbadas

Projeto de Lei municipal prevê que estabelecimentos comerciais que atenderem pessoas com sinais de embriaguez e que estejam causando perturbação podem acionar as forças de segurança

Foto: Reprodução

Um projeto polêmico do prefeito de Balneário Piçarras Litoral Norte de Santa Catarina, Thiago Baltt (MDB), prevê a proibição de venda de bebidas alcoólicas para quem já estiver bêbado e causando certa perturbação. A medida foi apresentada na última sexta-feira (6).

De acordo com o projeto, fica proibida a “venda bebidas alcoólicas para pessoas com notórios sinais de embriaguez pelos estabelecimentos comerciais da cidade”, os estabelecimentos que atenderem pessoas embriagadas e que estiverem causando perturbação no espaço, poderão acionar as forças de segurança.

Como vai funcionar?

A Lei vale para os estabelecimentos e não aos consumidores. Se aprovada, o estabelecimento que desrespeitar a lei poderá sofrer multa, interdição das atividades comerciais e cassação de alvará de funcionamento.

O projeto ainda determina a responsabilidade do poder Público Municipal, através dos órgãos competentes, coordenar as fiscalizações nos restaurantes, bares, lanchonetes, botecos, mercearias e até supermercados.

Por que proibir?

À Câmara de Vereadores, a prefeitura justificou que o projeto prevê prevenir os delitos relacionados ao consumo excessivo de álcool em vias públicas da cidade.

“Objetivo e a necessidade desta lei é prevenir as ações delituosas relacionadas ao consumo excessivo de bebidas alcoólicas em vias públicas, sendo permitido ao estabelecimento comercial restringir a venda quando constatado que o provável comprador apresentar sinais de embriaguez, com isso, o comerciante estará contribuindo para redução dos atos de vandalismo e uma cidade mais segura”, traz a justificativa.

Com informações do ND+

Notícias Relacionadas

Alesc rejeita projeto de lei que proibia corrida de cães em SC

Projeto de lei foi rejeitado por 17 votos a três, além de três abstenções; para veterinária, corrida de cães traz prejuízos à saúde do animal.

Com parceria do Município de Braço do Norte, Senai inaugura nova sede

Faculdades Esucri oferecem descontos na graduação para acadêmicos com mais de 45 anos

A instituição conta com professores capacitados nos seus 13 cursos de graduação

Adolescente passa mal após tomar remédio tarja preta em escola de SC

Jovem de 15 anos foi atendido na manhã desta segunda-feira (23) e levado ao hospital