Papo Psi

Cinco hábitos para melhorar sua autoestima

Foto: Divulgação

É muito fácil cair na percepção errônea de que ter autoestima é se sentir bonito, ou estar bem com sua imagem. Claro que a autoimagem está diretamente ligada com a autoestima. Mas estar bem com sua aparência não significa que uma pessoa está com sua autoestima elevada.

Resumindo a autoestima trata-se da capacidade de estimar-se. De sentir-se bem consigo mesmo. E pessoas com esta capacidade possuem características importantes a serem citadas. Em geral, conseguem ser criativos e manter uma boa imagem de si e de suas capacidades; têm facilidade de assumir papéis ativos em grupos sociais; expressam suas próprias visões; possuem metas pessoais mais realistas; demonstram confiança; aceitam críticas e etc.

A seguir, estão hábitos importantes para desenvolver e fortalecer a autoestima no dia a dia.

  • Faça atividades satisfatórias e diferentes: Fazer coisas que você não imaginava que conseguiria ou que estão na sua lista de metas há muito tempo como aprender tricô; estudar um idioma novo; fazer uma receita sozinho; ajudar alguém que precisa de você entre outras atividades podem ser muito úteis no processo de fortalecimento da autoestima.
  • Cuide de sua autoimagem: Desde cuidados básicos com a higiene a comprar roupas novas e cortar o cabelo…. Por estar diretamente ligada a estima que cada indivíduo tem por si mesmo, cuidar de sua imagem é essencial para o processo.
  • Lembre-se diariamente das coisas boas que você tem feito: Com a rotina diária é muito fácil lembrarmo-nos somente dos erros que cometemos ao longo do dia. Por isso, é importante reforçar sempre as coisas boas feitas para os outros e para si mesmo.
  • Promova momentos agradáveis para você mesmo: Aprendemos que o tempo que temos deve ser gasto com coisas úteis e produtivas. Um tempo de descanso não costuma ser considerado produtivo. Aprenda também a tirar pequenos momentos para oferecer “carícias positivas” a você mesmo. Se presenteie com momentos. Tomar um chá quente no final da tarde; preparar uma refeição e saboreá-la sem correrias; ler um livro para crescimento pessoal. Neste tópico não há limites para a imaginação.
  • Aprenda a dizer não: Em geral, pessoas com pouca autoestima tendem a ter dificuldades em dizer não para os outros. A primeira questão é que uma pessoa que não se estima está sempre se adiando para agradar os outros. Outra questão é que estes indivíduos possuem a falsa crença de que se não aceitar o imposto pelos outros não serão amados. Ficarão sozinhos.

Notícias Relacionadas

Inspirações para o ano novo

Bauer, Amin e Kleinübing

A baixa qualidade da educação brasileira

A professora e colunista Ana Maria Dalsasso questiona os pais sobre a qualidade da educação nas escolas públicas do país. E você, está satisfeito?

O poder da mídia

A professora e colunista Ana Maria Dalsasso avalia a relação da mídia atual com a divulgação de informações sobre o novo tipo de gripe, o H3N2, à população.