Segurança

Com medo de ser morto, membro de facção criminosa pede ajuda à polícia e é preso em Capivari de Baixo

Homem acionou a PM e afirmou que havia sido alvejado por diversos disparos de arma de fogo.

Foto: Divulgação / Polícia Militar

Um fato inusitado aconteceu na tarde desta quinta-feira (1), em Capivari de Baixo. Um homem acionou a Polícia Militar pois havia sido vítima de uma tentativa de homicídio há alguns dias, quando, segundo ele, havia sido alvejado por diversos disparos de arma de fogo.

Em conversa com os policiais, ele relatou que estava com medo de ser morto e que ficaria na cidade até a próxima semana, pois estava arrumando sua situação dentro de uma facção criminosa do estado, mas que, depois do episódio, quando por pouco não perdeu a vida, havia decidido sair da vida do crime e que iria andar armado para sua segurança.

Diante do relato, os policiais realizaram uma busca pessoal. Três munições intactas calibre .38 foram encontradas no bolso da calça. Indagado se a arma de fogo estava no veículo dele, um Ford Fusion, ele respondeu que não, mas ficou aparentemente nervoso, levantando suspeita.

Ao iniciar a busca veicular, ele confessou a posse e informou o local em que estava a arma, entre o banco do motorista e a alavanca da marcha. O revólver calibre .38 oxidado, municiado com seis munições intactas, foi encontrado. Ele foi preso e conduzido à Delegacia de Polícia Civil.

Com informações do Portal A Hora

Notícias Relacionadas

Revólver, munições e droga são encontrados durante blitz realizada pela PMRv de Içara

Colisão frontal deixa dois em estado grave na SC-108, entre Orleans e Urussanga

Um dos motoristas ficou preso às ferragens e teve o carro cortado para ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros.

Morador de Lauro Müller é baleado durante assalto a ônibus de comerciantes na BR-101; Veja vídeos

Polícia Civil cumpre mandados contra suspeitos de latrocínio em Sombrio