Geral

Conselho Diretor da Febave emite nota de pesar pela morte de Zé Diabo

O Conselho Diretor da Fundação Educacional Barriga Verde – Febave emitiu, na tarde desta segunda-feira (21), uma nota de pesar pela morte, aos 87 anos, do artista José Fernandes, o Zé Diabo. Ele morreu na madrugada de hoje. A Febave é a mantenedora das Esculturas do Paredão, situadas em Orleans.

Veja abaixo a nota na íntegra:

“É com pesar que, a Fundação Educacional Barriga Verde – Febave vem a público registrar a consternação pela morte do artista plástico José Fernandes. Popularmente conhecido como Zé Diabo, ele foi o autor da obra esculpida no Paredão de Orleans, hoje mantido pela Febave. Zé Diabo tinha 87 anos e faleceu na madrugada desta segunda-feira, 21 de agosto.

O Paredão de Esculturas tem quase 200 metros de cumprimento. A obra foi entalhada no início dos anos de 1980 e é um conjunto de painéis em pedra com representações de passagens bíblicas que foram esculpidas na pedra bruta pelo artista Zé Diabo.

Pelas suas importantes contribuições culturais e artísticas para a região, a Febave lamenta a perda e se solidariza com a família.

Conselho Diretor Febave”

 

Notícias Relacionadas

Colisão frontal termina em morte em Balneário Rincão

Ciclista morre após ser atropelado na SC-285, em Araranguá

Vigário paroquial de Capivari de Baixo, padre Hilário Puziski, morre aos 79 anos

Noite de Natal termina com duas mortes após colisão entre motos, em Grão Pará