Política

Convenções definem Johnny Felippe e Sorato como pré-candidatos em Urussanga

Reunidos na Câmara de Vereadores de Urussanga, peemedebista definiram nesta noite o seu representante nas eleições em outubro. Johnny Felippe é oficialmente o pré-candidato do PMDB à Prefeitura de Urussanga. O candidato a vice-prefeito, escolhido pelo Partido dos Trabalhadores, é o engenheiro Carlos Alberto Sorato.

A convenção do PMDB homologou o nome do atual prefeito por maioria dos votos. De 45 votantes, 32 optaram por Johnny. Além do PMDB e do PT, fazem parte da coligação o PSB e o PSC.

Como principais bandeiras, Johnny ressaltou a importância de dar continuidade ao trabalho que iniciou em 2013. “Iniciamos anos atrás um novo jeito de administrar, revolucionamos a administração pública em Urussanga. Nosso governo imprimiu o maior ritmo de obras e realizações da história desta cidade e isso não pode parar. Entramos na campanha agora com a mesma motivação  de fazer diferente”, afirmou.

O atual vice-prefeito, Luiz Henrique Cuíca, ressaltou que se orgulha do trabalho que estão fazendo à quatro mãos. “Todo mundo apostou na briga entre prefeito e vice. Ao invés disso, somamos esforços para fazer as obras que a cidade tanto precisava. Agora, com a candidatura do Sorato a vice, Urussanga passa a ser comandada por seis mãos comprometidas com a nossa cidade. Estarei sempre junto e empenhado a fazer uma grande votação”, afirmou Cuíca.

O agora candidato a vice-prefeito, Carlos Alberto Sorato, militante a 25 anos do PT, garantiu que está preparado para este novo desafio. “Substituir alguém como Cuíca não é fácil, mas estou preparado para seguir nesse trabalho que tem transformado Urussanga. Agradeço a confiança e acredito nesta coligação que vai muito além dos partidos, mas que visa o melhor para o povo de Urussanga”, enfatizou.

A deputada estadual Ada de Luca esteve na convenção e expressou seu ao apoio ao pré-candidato. “Costumo comparar o Johnny com Juscelino Kubitschek, conhecido e lembrado até hoje pelas obras que revolucionaram o Brasil. Este foi o governo mais realizador da história dessa cidade”, afirmou. Para o deputado federal Ronaldo Benedet, “a militância não pode descansar um só dia, porque defender a continuidade do trabalho que está sendo feito é defender a cidade de Urussanga”.

Colaboração: Stephanie Barbosa / Ápice Comunicação

  • 0b77c4d9baaeae154128b69c1fe5d467
  • 96fbca7c46f090f9a82b4bffed5900c9
  • b77db4b9e1a3a7d33f0772429df76f4d