Saúde

Corpo de Bombeiros Comunitários de Morro da Fumaça é exemplo no Dia Mundial do Doador de Sangue

Uma bela iniciativa do Corpo de Bombeiros Comunitários de Morro da Fumaça marcou o fim de semana em meio a mobilização do movimento “Junho Vermelho” e, foi amplamente lembrada nesta terça-feira (14), no Dia Mundial do Doador de Sangue. Um grupo de 21 socorristas se mobilizou e realizou a doação de sangue no Hemosc de Criciúma, todos no mesmo dia.

“Alguns já eram doadores e gradativamente o grupo foi aumentando. Conseguimos convencer os que ainda não tinham doado e nos mobilizamos junto aos que já realizaram a doação. Foi muito gratificante. Para o Hemosc, nunca houve a vinda de um grupo tão grande ao mesmo tempo”, relata o coordenador do grupo, soldado Assunção.

A iniciativa surgiu com a campanha Junho Vermelho, que busca mobilizar e incentivar a doação de sangue junto aos hemocentros.

Assunção ressalta que o grupo se sensibilizou com a causa, já que lidam diariamente com acidentes onde as vítimas necessitam de sangue após o acidente em cirurgias e demais procedimentos médicos para se recuperarem.

“Para nós foi um diferencial no socorro às vidas. Além de realizar o atendimento junto aos acidentados, podemos também contribuir doando sangue para os que precisam”, enfatiza.

Iniciativa rotineira

Segundo Assunção, a intenção do grupo de socorristas de Morro da Fumaça é fazer com que as doações se tornem rotina no grupo. “Concordamos em realizarmos a doação de sangue a cada três meses. Somos bem unidos e vimos o quanto é importante este ato solidário”, finaliza.

Doe sangue

Para doar sangue é preciso ter idade entre 16 e 69 anos, apresentar documento com foto emito por órgão oficial, pesar mais de 50 quilos, sentir-se bem e com saúde, possuir no máximo 60 anos para a primeira doação, além de estar alimentado.

Pessoas menores de 18 anos devem estar acompanhadas de um responsável legal. O Hemosc de Criciúma está localizado na Avenida Centenário, no bairro Santa Bárbara.

O local atende de segunda-feira a sexta-feira, das 7h30 às 18h30. Mais informações pelo telefone (48) 3444-7400.

  • 4a2b2d0053f9a2dbbee61cf882ac0ceb
  • 91c1bdb02519abe904713aee5a521bed
  • d378179b56d4f2074b4be9cd20dd8680
  • 88ab69be4981a98610818f93efc1708c