Saúde

Covid-19: Brasil registra 51 mil casos e 842 mortes em 24 horas

Há 5.854.709 pessoas recuperadas do novo coronavírus

Divulgação

Nas últimas 24 horas foram registradas 842 novas mortes pela covid-19 e 51.088 novos casos da doença no Brasil. Há 642.131 pacientes em acompanhamento e 5.854.709 pessoas já se recuperaram. A atualização foi divulgada pelo Ministério da Saúde no início da noite desta terça-feira (8).

Os óbitos em consequência da pandemia do novo coronavírus totalizaram 178.159 hoje. Ontem, o sistema de dados da pasta sobre a covid-19 marcava 177.317 óbitos. Ainda há 2.230 falecimentos em investigação, dados relativos a ontem.

O número de pessoas infectadas pelo vírus desde o início da pandemia atingiu 6.674.999. Ontem, o painel do Ministério da Saúde trazia 6.623.911 casos acumulados.

O balanço do ministério é divulgado diariamente a partir de notificações enviadas pelas secretarias estaduais de saúde. Normalmente, os casos são menores aos domingos e segundas-feiras em função da dificuldade de alimentação pelas secretarias estaduais de Saúde. Já às terças-feiras, eles podem subir em função do acúmulo de registros atualizado.

Estados

A lista dos estados com mais mortes pela covid-19 é encabeçada por São Paulo (43.282), Rio de Janeiro (23.270), Minas Gerais (10.345), Ceará (9.738) e Pernambuco (9.186). As Unidades da Federação com menos óbitos pela doença são Acre (737), Roraima (744), Amapá (834), Tocantins (1.187) e Rondônia (1.610).

Divulgação

Notícias Relacionadas

Instrução técnica sobre aterramento em minas de carvão é desenvolvido pela UniSatc

Modelo, que deve virar Norma Técnica, foi desenvolvido em um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) do curso de Engenharia Elétrica

Arrecadação catarinense cresce 5,7% em fevereiro

Somente com ICMS, a soma foi de R$ 2,22 bilhões, de acordo com os dados divulgados pela Secretaria de Estado da Fazenda

Decreto suspende esportes coletivos em Morro da Fumaça

Ação é mais uma medida de enfrentamento à pandemia no município

Operação apreende 22 mil garrafas de vinhos no Oeste de SC

Segundo a Receita Federal, valor estimado pelos produtos é de R$ 4 milhões