Geral

Covid-19: Brasil tem 1,96 milhão de casos e 75,3 mil mortes

Até o momento, 1.255.564 brasileiros se recuperaram da doença.

Divulgação

O Brasil chegou a 1.966.748 de casos confirmados acumulados de covid-19 e o total de 75.366 óbitos desde o início da pandemia do novo coronavírus. O número foi divulgado na atualização diária do Ministério da Saúde hoje (15), durante entrevista coletiva no Palácio do Planalto.

Nas últimas 24h, foram 39.924 novos registros de pessoas diagnosticadas com covid-19 informados pelas autoridades estaduais de saúde. Entre ontem(14) e hoje, foram 1.233 mortes registradas no sistema do Ministério da Saúde.

De acordo com a pasta, 635.818 pessoas estão em acompanhamento e outras 1.255.564 se recuperaram da doença.

Covid-19 nos estados

Os estados com mais mortes por covid-19 são: São Paulo (18.640), Rio de Janeiro (11.757), Ceará (7.030), Pernambuco (5.772) e Pará (5.337). As Unidades da Federação com menos falecimentos pela pandemia são: Mato Grosso do Sul (183), Tocantins (271), Roraima (403), Acre (446) e Amapá (488).

Os estados com mais casos confirmados de covid-19 desde o início da pandemia são: São Paulo (393.176), Ceará (141.248), Rio de Janeiro (134.449), Pará (130.834) e Bahia (112.993). As Unidades da Federação com menos pessoas infectadas registradas são: Mato Grosso do Sul (14.631), Tocantins (16.031), Acre (16.672), Roraima (23.681) e Rondônia (27.917).

Testes

De acordo com os representantes do Ministério da Saúde, até o momento foram realizados 1.278.201 exames pela rede pública. Se adicionados 945.602 testes particulares, o total de exames realizados no Brasil para diagnosticar a covid-19 chega a 2.223.803. Foram adquiridos até o momento 10 milhões de kits. Os representantes do ministério justificaram a diferença entre as aquisições e os realizados pela capacidade de armazenamento de insumos e de processamento dos exames dos laboratórios.

“O armazenamento dos insumos do teste de laboratório (RT-PCR) precisa ser feito em um ambiente refrigerado. Os laboratórios têm lugar para estocar, mas nessa quantidade, por esta pandemia, superou as capacidades. Por este motivo, conforme eles vão utilizando os kits, solicitam novos e vamos encaminhando de forma proporcional aos exames realizados”, respondeu a diretora substituta de Laboratórios de Saúde Pública, Grace Madeleine.

A média geral por semana foi de 63.102 análises processadas. Nas últimas cinco semanas, esta média foi de 110.112 por semana. Mas na análise por semana epidemiológica, houve queda da média mensal 25% entre a 26ª e a 28ª semana epidemiológica.

Grace Madeleine explicou que a queda ocorreu devido ao tempo de atualização. “Leva-se um tempo para digitação. Devido ao volume expressivo, pode levar alguns dias para que sejam concluídos os dados daquelas semanas anteriores. Geralmente isso ocorre. Provavelmente o dado mostrado vai ser maior na semana que vem”, acrescentou.

Com informações do site Agência Brasil

Notícias Relacionadas

Amurel recomenda que municípios adotem nova quarentena por causa da Covid-19

Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel) contempla 18 prefeituras. A situação da região é considerada gravíssima pelo governo de Santa Catarina em relação à doença.

Cidasc emite comunicado sobre proibição de fabricação, comércio, prescrição e uso do herbicida Paraquat no Brasil

A reavaliação toxicológica do paraquat foi determinada em 2008 pela Anvisa e finalizada em 2017

Clínicas e laboratórios particulares de Braço do Norte terão que informar a Prefeitura sobre exames para Covid-19 realizados

O Decreto 026/2020, assinado pelo prefeito, Beto Kuerten Marcelino, na noite deste domingo (12), visa garantir a transparência sobre os dados da doença no Município.

Em três meses, PGE atuou em cerca de 270 ações judiciais e emitiu 36 pareceres jurídicos sobre Covid-19

A Procuradoria-Geral do Estado (PGE) atuou de forma judicial e administrativa para dar suporte às decisões do Poder Executivo e garantir o cumprimento das determinações para conter o avanço do novo coronavírus no Estado.