Geral

Criança Letrada: lançamento reúne dezenas de pais e professores

De acordo com o prefeito, Beto Kuerten Marcelino, foram investidos R$ 400 mil no novo sistema de ensino.

Foto: Divulgação

Pais, professores, diretores e convidados lotaram o Clube Cruzeiro na noite desta terça-feira, 2, para o lançamento do projeto Criança Letrada, que tem por objetivo fortalecer a alfabetização de cerca de 900 crianças da rede municipal de ensino.

De acordo com o prefeito, Beto Kuerten Marcelino, foram investidos R$ 400 mil no novo sistema de ensino. “Nesta primeira etapa estamos focados na alfabetização, com alunos de quatro, cinco e seis anos, pois sabemos que é nesta etapa da vida que as crianças formam suas personalidades e é necessário reforçar o sistema de alfabetização. Porém, as outras séries também ganharão suas agendas e, gradualmente, farão uso do material”, explicou.

O projeto Criança Letrada, é um kit de apostilas, agenda e livros complementares, material do professor e pastas que será entregue para cerca de mil crianças de Pré 1 e Pré 2 da educação infantil e 1º ano do ensino fundamental, da Editora OMEP/SEFE, que trouxe uma equipe didática para passar aos pais e professores um resumo sobre a linha pedagógica do material. Além disso, 80 professores receberam capacitação.

A noite também contou com uma palestra com Kairam Cabral, com o intuito de despertar a motivação dos presentes.

Também participaram do evento, organizado pelas secretárias de Educação, Claudinéia Niehues e Nívea Willemann Rocha, e sua equipe, o presidente da Câmara de Vereadores, Jacinto Orben Perin e a vereadora Maria da Silva Kulkamp.

Colaboração: Comunicação Prefeitura de Braço do Norte

Notícias Relacionadas

Coronavírus em SC: Santa Catarina salta 16 posições e está entre os estados com menor incidência da doença no país

As estratégias de isolamento social e combate ao coronavírus levaram Santa Catarina a avançar para posição de destaque nacional no enfrentamento à pandemia.

IFSC e Gered abrem curso de formação para professores da rede estadual em Criciúma

Santa Catarina tem menor taxa de desocupação e de pessoas na informalidade do país, aponta IBGE

A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD-Covid 19) também apontou que a proporção de domicílios que receberam algum auxílio emergencial passou de 43% em junho para 44,1% em julho

Adultos entre 55 e 59 anos e professores podem tomar a vacina contra a gripe a partir desta segunda

A Campanha segue até o dia 5 de junho e todas as pessoas dos grupos prioritários, que ainda não tomaram a vacina, têm até esta data limite para se imunizar.