Geral

Criciúma adere à teleconsulta para ampliar o atendimento de especialidades

Consultas iniciaram nesta segunda-feira (12) com o reumatologista. O paciente vai até um local específico e é atendido por um especialista de forma digital

Divulgação

Com o olhar para o futuro e nas novas dinâmicas deixadas pela Covid-19, a Secretaria Municipal de Saúde inicia atendimentos por meio da teleconsulta em Criciúma. Neste primeiro momento, serão somente os pacientes de reumatologia e serão 14 atendimentos por dia, no formado digital. A primeira consulta ocorreu nessa segunda-feira (12) e o objetivo do órgão municipal é ampliar o serviço de especialidades para a população.

O paciente irá até uma sala de atendimento, com os equipamentos necessários instalados e internet, e será consultado com um médico especialista por meio digital. “Estamos trabalhando com essa ideia desde o começo do ano e agora estamos colocando em prática. Essa medida é para ampliar os nossos atendimentos com especialidades. Eu mesmo já tive a primeira consulta com esse novo formato e foi ótimo, tinha uma profissional ao meu lado me orientando junto com o médico. Buscamos essa ferramenta depois que esgotamos as possibilidades na região. O paciente não precisa ir para fora da cidade, pois o serviço traz a consulta até aqui”, reforçou o secretário municipal de Saúde, Acélio Casagrande.

Rita da Luz Montti foi uma das primeiras pacientes de Criciúma a ser consultada por meio do teleconsulta. “Fui muito bem atendida, a médica foi atenciosa e gostei muito do novo formato. Foi muito bom”, ressaltou. A outra paciente elogiou a agilidade do atendimento. “Eu prefiro assim, é muito mais rápido. Foi excelente, a médica foi muito querida”, comentou a paciente, Sirlei Pedro Ignácio.

A secretaria iniciou com atendimento de reumatologia, mas pretende ampliar para mais especialidades nas próximas semanas. Conforme a gerente da Atenção Especializada, Cristiane Botelho Schmitz, o município realiza 131 consultas por semana com o reumatologista. “A nossa intenção é ampliação da oferta de consultas de especialidades, a modernização do atendimento e possivelmente oferece o serviço sem sair de casa. A nossa parceria é com uma prestadora de serviços da Santa Luzia, contrata por meio do Consórcio da Amrec”, explicou.

A Secretaria Municipal de Saúde fornece transporte para o paciente que se encaixa na mobilidade reduzida ou nula, podendo solicitar o veículo por meio da sua Unidade Básica de Saúde (UBS).

Notícias Relacionadas

Conselho Regional de Medicina de SC orienta sobre regras para prescrição de canabidiol

Medicamentos com o princípio ativo só podem ser indicados para crianças ou adolescentes que tenham casos de epilepsias refratárias aos tratamentos convencionais

Gaeco prende servidora do meio ambiente de Cocal do Sul

Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado esteve na cidade na manhã desta segunda-feira, 15

Homem atira em posto de combustível e vai preso em Araranguá

Outro envolvido foi preso por ter escondido a arma

Família é alvejada por tiros em Tubarão; bebê foi atingido

O bebê foi levado ao hospital e a mãe está em coma induzido; caso foi registrado na noite deste domingo, 14