Geral

Criciúma é derrotado no Oeste

Aos 7 minutos da segunda etapa, o árbitro Heber Roberto Lopes paralisou o jogo por conta da chuva que atrapalhava o andamento da partida.

Foto: Divulgação

Debaixo de muita chuva e após uma paralisação de quase uma hora no segundo tempo, o Tigre acabou derrotado pela Chapecoense por 1 a 0. A partida, válida pela terceira rodada da competição estadual, ocorreu na noite desta quarta-feira (23/01), no estádio Arena Condá, em Chapecó.

Com o resultado, a equipe do técnico Doriva segue com três pontos no Catarinense. O próximo compromisso será no domingo (27/01), às 19 horas, contra o Atlético Tubarão, no estádio Heriberto Hulse.

O primeiro tempo foi equilibrado. A Chapecoense priorizou as bolas aéreas, onde o goleiro Bruzo Grassi fez boas defesas. O Tigre, com a bola dominada, criou oportunidades. Aos 38 minutos, Reis achou Daniel Costa na entrada da área e o camisa 10 carvoeiro chutou no canto de Jandrei, que afastou para o escanteio. Na cobrança, Marlon cruzou para Marcinho Júnior marcar, mas a arbitragem anulou o lance marcando impedimento.

Aos 7 minutos da segunda etapa, o árbitro Heber Roberto Lopes paralisou o jogo por conta da chuva que atrapalhava o andamento da partida. Somente após 56 minutos, com a diminuição do volume de água, foi decidido pelo andamento da partida.

Na retomada da partida, a Chapecoense levou a melhor e abriu o placar aos 20 minutos. O Criciúma buscou o empate, mas sem sucesso.

Com informações do site do Criciúma Sport Clube

Notícias Relacionadas

Morador é executado com cinco tiros em Criciúma

Segundo informações, a vítima saiu recentemente do presídio e possui passagens por pedofilia e estupro de vulnerável.

VÍDEO: Espetáculo “Marley In Camerata” será apresentado no aniversário de Criciúma

O espetáculo gratuito será na Praça Nereu Ramos, no centro da cidade, a partir das 10h30min do sábado (03).

VÍDEO: Delegado de Criciúma intervém em assalto e mata criminoso

Um policial militar que estava no local tentou desarmar o assaltante, entrando em luta corporal. Houve a intervenção do delegado que foi abordado pelo criminoso momentos antes, no caixa do estabelecimento.

Pai quebra dentes de filha em Criciúma

Mãe da adolescente de 14 anos também foi ameaçada. Acusado foi preso em flagrante.