Saúde

Criciúma segue determinação do Ministério da Saúde e reduz para sete dias o isolamento para infectados da Covid-19

A partir do início dos sintomas, o paciente deverá ficar em isolamento por sete dias, retornando às atividades após esse período, sem a necessidade do teste

Divulgação

O Governo Municipal passou a seguir, na última semana, a determinação do Ministério da Saúde que reduz para sete dias a necessidade de isolamento para pessoas infectadas com o vírus da Covid-19. O tempo de isolamento que era de 10 dias passa para sete dias dispensando a necessidade de realização de teste para liberação do afastamento.

“A partir do início dos sintomas a pessoa deverá ficar sete dias isolada. Ao final do 7° dia, se não apresentar sintomas e estiver sem febre há, pelo menos, 24 horas, sem uso de medicamentos, pode sair do isolamento desde que mantenha as medidas não farmacológicas, como uso de máscaras e distanciamento social”, ressaltou Samuel Bucco, gerente de Vigilância em Saúde do município.

Ele lembra que as medidas de isolamento social devem ser mantidas, como evitar aglomerações, viagens, contato com pessoas imunossuprimidas e principalmente, manter o uso de máscaras.

Notícias Relacionadas

Governo de SC autorizou investimento de R$ 722 milhões em Educação

O governador Carlos Moisés participou do ato de inauguração e valorizou o movimento que é considerado como o mais municipalista da história catarinense

Autor de roubo contra motorista de aplicativo em Criciúma é preso

Investigado pelo crime tem 23 anos

Suspeito de estuprar adolescente a caminho da escola é preso após vítima gritar por socorro em SC

Polícia Civil investiga o caso, que ocorreu em uma passarela de Joinville. Vítima tem 15 anos.

Frente fria muda paisagem em SC nesta terça-feira e traz risco de temporais e queda de granizo

Mudança no tempo começa na tarde desta terça-feira (28) e se estende até sexta-feira (1º); alteração começa nas regiões próximas à fronteira com o Rio Grande do Sul