Geral

Criciúma: Transporte coletivo será suspenso amanhã

Decisão tem a duração de sete dias, podendo ser prorrogada.

Divulgação

O transporte coletivo de Criciúma terá uma paralisação de sete dias a partir de amanhã, conforme decreto assinado pelo prefeito Clésio Salvaro na manhã dessa quarta-feira, dia 18. Existe ainda a possibilidade de prorrogação, caso o coronavírus continue avançando no estado.

A medida foi tomada após Carlos Moisés, governador de Santa Catarina, decretar situação de emergência em SC. A transmissão comunitária da doença viral já está acontecendo no estado, fato que fez o governante decidir pelo cancelamento de eventos de qualquer porte, aulas, transporte público e o fechamento de bares, restaurantes e estabelecimentos comerciais.

Na última atualização feita na noite de ontem, Santa Catarina apresentava sete casos de covid-19 confirmados. Em Criciúma, até o momento, não há nenhum paciente infectado.

Com informações do site TNSul

Notícias Relacionadas

Empresa deverá indenizar passageira vítima de ato obsceno em transporte coletivo

Uma concessionária do transporte coletivo deverá indenizar uma passageira em R$ 10 mil, a título de danos morais, por atos obscenos presenciados em um ônibus da empresa no município de Arroio do Silva.

Preso, ex-deputado federal de SC tem auxílio-combustível suspenso pelo governo do estado

João Pizzolatti está no Presídio Regional de Blumenau. Ele é réu por tentativa de homicídio referente a um acidente de trânsito.

Coronavírus em SC: Governo do Estado autoriza retomada do transporte coletivo interestadual de passageiros

A determinação está prevista no decreto 630 do Governo do Estado, de 1 de junho.

Coronavírus em SC: Governo autoriza retomada do transporte coletivo intermunicipal de passageiros

As empresas de transporte coletivo intermunicipal deverão manter a ocupação de até 50% da capacidade com os passageiros sentados intercaladamente