Geral

Cursos de costura serão ampliados para atender demanda em Siderópolis

O governo de Siderópolis vai ampliar a oferta de vagas para o curso de costura do Projeto Costurando Ideias e atender a demanda de mulheres que pretendem auxiliar na renda da família com a inserção no mercado de trabalho. Atualmente, 46 mulheres frequentam as aulas oferecidas pelo município em parceria com a Associação Feminina de Bem Estar Social de Siderópolis (Afabess), mas o objetivo é abrir duas novas turmas e chegar a 100 vagas por semestre. A informação da ampliação foi repassada às estudantes pelo próprio prefeito, que ao lado do vice-prefeito Lilo Remor e da diretoria da Afabess, participou de uma confraternização das turmas no bairro Tereza Cristina.

“Estamos trabalhando para viabilizar a vinda de novas empresas de confecção para a cidade e vamos precisar de mão-de-obra qualificada. Muitas das estudantes do curso já estão empregadas, mas pretendemos formar mais costureiras e aumentar ainda mais o nível de empregabilidade”, destacou o prefeito Hélio Cesa Alemão, acrescentando que “o município também deve viabilizar a criação de novas vagas em creches para permitir que as mães possam trabalhar com a certeza de que seus filhos estão sendo bem cuidados”.

As quatro turmas do projeto iniciaram as aulas no mês de julho e devem finalizar em dezembro. De acordo com Hialda Rovaris, monitora do curso de costura, a procura por novas vagas é muito grande em Siderópolis. “Existe demanda e existe vontade do poder publico municipal em qualificar a mão-de-obra. Tudo indica que o município deve despontar como um novo polo de confecção na região”, afirmou a monitora.

Colaboração: Simone Costa

  • f64e1543ffd1035ce9a1f4fc3391ed17
  • b7c1f1a15e3feee0a1fe14ae6735b7cf
  • 7b824783168551529725da72d21bb6e1
  • 6a236f22cfc2d7136ba1f0a22fbb6257
  • 87ab4e0197ec19d3d607f8dcc8d3d77a