Geral

Defesa Civil alerta para tempestades severas, vendaval e alagamentos em SC nesta quarta-feira (02)

Rajadas de vento podem chegar a 60 km/h e há possibilidade de queda de granizo

Divulgação

A Defesa Civil emitiu um alerta para tempestades severas, rajadas de vento e granizo, com início no final da tarde desta quarta-feira (02) até a manhã da quinta-feira (03). Os temporais devem atingir principalmente as regiões Oeste, Meio-Oeste e planaltos Sul e Norte do Estado.

O órgão destaca que as rajadas de vento podem chegar a 60 km/h e há a possibilidade de alagamentos de forma pontual. Na região Oeste e Planalto a previsão é de que as tempestades comecem por volta das 17h desta quarta-feira. Já o Litoral Sul e a Grande Florianópolis devem ser atingidos no decorrer da madrugada de quinta. Outras regiões também podem ser afetadas, mas com menor intensidade.

Conforme a Epagri, a previsão de temporais é por conta do deslocamento de um ciclone no Rio Grande do Sul, associado à formação de uma frente fria (que é um sistema de chuva). A instabilidade no Estado deve ocorrer até às 10h desta quinta-feira.

Cuidados em caso de tempestade

A Defesa Civil recomenda que em caso de tempestade a população proteja-se em local abrigado, longe de placas, árvores, postes de energia e objetos que podem ser arremessados pelo vento.

Se não encontrar um abrigo, indica-se agachar-se com os pés juntos e com a cabeça encostada no peito ou entre os joelhos e as mãos cobrindo suas orelhas ou apoiadas em seus joelhos. Se estiver em casa ou em qualquer outro local abrigado, desligue os aparelhos eletrônicos, não use o telefone e fique longe das janelas.

Com informações do NSCTotal

Notícias Relacionadas

Vacinação em SC: 290 mil doses da vacina contra a Covid-19 foram aplicadas nos grupos prioritários

Os grupos prioritários que estão sendo vacinados neste momento são: os trabalhadores da saúde, os idosos e pessoas com deficiência institucionalizados, a população indígena e os idosos com mais de 80 anos.

Plataforma de Inovação será lançada na segunda-feira (08/03)

Força tarefa resgata 18 pessoas em situação análoga à de escravidão e outras em trabalho clandestino em SC e no RS

Uma operação em propriedades de Santa Catarina e Rio Grande do Sul, tendo como base o município de Lages, encerrou na última terça-feira com um saldo de 25 trabalhadores em situação análoga à de escravo e/ou na clandestinidade.

Pavimentação: rua Osvalda Cunha recebe camada asfáltica

Hoje foi dia do bairro São Francisco de Assis, rua Osvalda Cunha, receber a pavimentação