Geral

Deinfra garante recuperação da SC-438 e moradores de Gravatal cancelam manifestação

Com a promessa de criar um mecanismo para melhorar o fluxo da rodovia, comunidade recua e suspende a manifestação programada para amanhã

Indignados, os moradores da localidade de Tiradentes, em Gravatal, haviam programado mais uma manifestação para amanhã. Eles iriam fechar a SC-438 e desvios próximos por duas horas. A medida visa forçar que as obras de recuperação e implantação de mecanismos de segurança, especialmente nos trechos mais populosos, ocorra o mais breve possível.

Ao que tudo indica, a solução veio antes do esperado. Ontem, uma reunião entre líderes comunitários, o engenheiro Maurício Coelho Mafra, do Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra) de Florianópolis; major Darci Rodrigues Junior, comandante regional Polícia Militar Rodoviária; e Lorival Pizzolo, superintendente regional sul do Deinfra, terminou com um voto de confiança.

Pizzolo pediu a suspensão da paralisação da rodovia e foi atendido pela comunidade. Contudo, em troca ele assegurou que buscará medidas de segurança para o KM 199, em Tiradentes. Eles firmaram um prazo de 30 dias para isso. Caso a comunidade não seja atendida, o protesto poderá voltar a ocorrer no fim do próximo mês.

Conforme matéria do Notisul, na primeira manifestação, a rodovia ficou fechada por 50 minutos. Aproximadamente 500 pessoas bloquearam os dois sentidos da estrada em protesto pelas péssimas condições e a falta de segurança na rodovia.

Há anos os moradores da localidade, e comunidades vizinhas, reivindicam a implantação de lombadas físicas a fim de forçar os motoristas a reduzirem a velocidade neste ponto da SC-438.

  • fd21866857b4b665efb587c078cf40cd
  • 634e56f47cf2e10daf14a479fffbfc95