Geral

Delegado da comarca explana demandas de Morro da Fumaça na Câmara de Vereadores

Morro da Fumaça tem um número expressivo de crimes investigados pela Polícia Civil e pouca estrutura para que os trabalhos sejam realizados da forma como deveriam.

Divulgação

O Legislativo de Morro da Fumaça recebeu na noite desta terça-feira, dia 18, o delegado Ulisses Gabriel, um dos responsáveis pela delegacia de Urussanga, que também atende Morro da Fumaça e Cocal do Sul. Ele esteve explanando as demandas da Polícia Civil na cidade e trouxe soluções para que o trabalho dos policiais possam ser mais eficientes. Morro da Fumaça foi a primeira cidade a receber suas demandas.

Segundo o delegado, em menos de dois meses, dois latrocínios estão sendo investigados na cidade, e pequenos crimes também fazem parte da demanda. Com poucos policiais atuando na cidade, o trabalho se torna mais dificil. “Nós precisamos nos unir, Legislativo, Executivo, Judiciário, junto com o Ministério Público e buscar soluções para os municípios. Em Morro da Fumaça acontecem muitos crimes, têm saídas com vários municípios, fica próximo da BR-101. Precisamos nos unir para reivindicar as devidas melhorias para a cidade, atualmente com a estrutura que nós temos disponíveis fizemos o máximo que podemos, mas há necessidade de melhorias”, afirmou Ulisses.

“Nós sabemos dos problemas e acreditamos que Morro da Fumaça deveria tornar-se uma comarca. Nós temos dificuldades na logística, falta de transporte e muitos serviços precisam ser feitos no Fórum de Urussanga, o que acaba dificultando a vida de muitos fumacenses”, afirmou o vereador Robson Francisconi (PP).

O Presidente da Câmara de Vereadores foi quem intermediou a reunião com o delegado e está à frente das conversas para transformar a cidade em uma comarca. “Quando nós falamos de segurança pública na cidade, sabemos que precisamos de mais câmeras, mais policiais e muitas coisas dependem do Estado. Já encaminhei ofício para os gestores estaduais solicitando mais policiais civis e acredito que a união de forças seja fundamental para o êxito das nossas reivindicações”, afirmou Formentin.

Notícias Relacionadas

Reunião discute medidas para reduzir filas nas agências bancárias, em Içara

Conselhos Municipais e fim de recesso parlamentar marcam sessão da Câmara de Vereadores de Cocal do Sul

Sessão desta terça-feira (10), contou ainda com a votação e aprovação de cinco indicações e três requerimentos de interesse da população sulcocalense.

OS Criciúma está concorrendo em concurso nacional de Boas Práticas

Concurso reúne vários Observatórios Sociais do Brasil e cada um concorre com alguma boa prática executada.

VÍDEO: Delegado de Criciúma intervém em assalto e mata criminoso

Um policial militar que estava no local tentou desarmar o assaltante, entrando em luta corporal. Houve a intervenção do delegado que foi abordado pelo criminoso momentos antes, no caixa do estabelecimento.