Segurança

DIC de Araranguá faz levantamento das ações realizadas durante 2021

Mais de 100 pessoas foram indiciadas

Divulgação

A Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Araranguá, concluiu, na última semana de dezembro, o levantamento das ações realizadas durante o ano de 2021. Mais de 100 pessoas foram indiciadas pela prática de crimes como homicídio, tráfico de drogas e roubo. Também foram registradas mais de 60 operações policiais em que integrantes da DIC atuaram no cumprimento de mandados de busca e apreensão e de prisões cautelares. Uma das investigações, iniciada em 2020, resultou no indiciamento de 47 suspeitos acusados de envolvimento com uma organização criminosa que atua dentro e fora dos presídios.

A unidade, com sede em Araranguá, é uma das 30 delegacias especializadas em todo o Estado com atuação voltada para a investigação de crimes de maior complexidade como homicídio, latrocínio, tráfico de drogas, organização criminosa, extorsão e roubo. Entre os resultados das atividades realizadas ao longo de 2021, destacam-se o indiciamento de 129 pessoas, sendo que 13 delas foram presas em flagrante.
Foram produzidos 251 relatórios de investigação e 49 representações encaminhadas ao Poder Judiciário, como mandados de prisão e de busca e apreensão, entre outras medidas cautelares.

As apurações de crimes de roubo, principalmente praticados contra estabelecimentos comerciais, resultaram na recuperação de 10 telefones celulares, entre outros produtos, com a identificação de 16 suspeitos.

Quanto aos homicídios, 15 pessoas foram indiciadas pela prática de crimes praticados em Araranguá, Balneário Arroio do Silva e Maracajá. Nas atividades cartorárias, foram movimentadas 108 cartas precatórias e concluídos 110 procedimentos entre Inquéritos, Termos Circunstanciados, Atos Infracionais e Prisões em Flagrante. Durante o ano passado, a equipe de DIC cumpriu 51 mandados de busca e apreensão nas regiões de Araranguá, Criciúma e também no Rio Grande do Sul.

Com informações do TNSul

Notícias Relacionadas

Entenda por que está tão quente em Santa Catarina

Estado tem registrado temperaturas históricas neste início do ano, com temperaturas acima dos 40 ºC

Mulher leva mais de 20 facadas em São Ludgero; autor do crime fugiu

Um dos filhos da vítima afirmou que o homem chegou à residência a pé, entrou dentro da casa, esfaqueou a mãe e depois saiu correndo com a faca e, logo após, o possível autor fugiu do local com um veículo Fiat Uno de cor vermelha

Agricultura distribuirá BTI para combater o mosquito borrachudo

A entrega do produto aos proprietários e moradores das comunidades do interior de Braço do Norte acontece às 9 horas

Macrodrenagem do Rio Criciúma vai avançar no bairro Pio Correa

Projeto das intervenções foi apresentado à comunidade