Trânsito

DNIT sinaliza pistas da Ponte Anita Garibaldi, em Laguna

A pintura é provisória e paliativa para orientação dos motoristas. O programa BR Legal fará a pintura definitiva.

Foto: Muriel Albônico

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) finaliza, nesta segunda-feira, 15, a instalação de faixa central para sinalização horizontal sobre a Ponte Anita Garibaldi, na BR-101. A pintura é provisória e paliativa para orientação dos motoristas. O programa BR Legal fará a pintura definitiva.

A Ponte Anita Garibaldi recebeu, nas últimas semanas, serviços de recomposição asfáltica com aplicação de microrrevestimento de asfalto. Assim, a camada superficial recobriu a sinalização que existia, sendo necessária a repintura em todo o segmento. As faixas paliativas são de tinta para aplicação a frio, sendo que a nova operação terá tinta termoplástica, mais durável e de melhor visualização.

O tráfego de veículos no sentido Sul-Norte tem a delimitação de fixa central concluída em toda a extensão da plataforma. Já a pista de sentido oposto ainda terá acréscimo em cerca de 300 metros, próximo da cabeceira Norte (Cabeçuda). Os trabalhos serão feitos nos próximos dias, com reconfiguração de tráfego, para abrir frente aos serviços. Toda a frente de obras será identificada pela sinalização provisória.

A Ponte Anita Garibaldi (Ponte de Laguna) tem 2.830 metros de extensão, liberada ao tráfego de veículos desde julho de 2015. Ela faz a travessia sobre o Canal de Laranjeiras, no limite dos municípios de Laguna e Pescaria Brava, e está localizada entre o km 312,9 o km 315,73.

Colaboração: Muriel Albônico – Assessor de Comunicação do DNIT/SC

Notícias Relacionadas

Amurel recomenda que municípios adotem nova quarentena por causa da Covid-19

Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel) contempla 18 prefeituras. A situação da região é considerada gravíssima pelo governo de Santa Catarina em relação à doença.

Estado garantirá tratamento anual de R$ 2,7 milhões a criança de Laguna com AME, decide TJ

De acordo com os autos, a perícia médica comprovou que a criança, natural de Laguna, precisa do remédio e que inexiste, na rede pública de saúde, tratamento para a doença.

Em Laguna, governador autoriza emissário terrestre para a praia do Mar Grosso e libera recursos para hospital

A projeção da Casan é que o empreendimento fique pronto em janeiro de 2020. O emissário é uma rede de 2.718 metros de extensão e diâmetro de 315 milímetros, com tubos de polietileno.

Casa de Repouso Bom Jesus inaugura oficina recreativa, em Criciúma