Saúde

Doação de sangue: um ato solidário de conscientização

Em junho, o Hemosc estará em Araranguá realizando novas coletas de sangue.

Divulgação

Doar sangue é um ato de consciência. Na Contato Internet, os colaboradores são estimulados a se tornarem doadores por meio de campanhas internas e visitas programadas ao Hemosc de Criciúma. Por causa dessas ações, a Contato recebeu até um reconhecimento do Lions Clube por seu incentivo à doação, em 2015. No dia 14 de junho, comemora-se o Dia Mundial do Doador de Sangue.

A auxiliar de serviços gerais da empresa, Ana Maria Leandro, se tornou doadora devido a um problema de saúde de um familiar. A colaboradora da empresa tem o tipo sanguíneo O negativo, doador universal. “Já faz 20 anos que sou doadora; eu aprendi com o meu pai – ele era doador no Hospital Regional. Ele foi o meu espelho”. Ana também é doadora de medula e pretende se tornar doadora de órgãos.

A gerente do setor financeiro, Jaira Mateus Feliciano, destaca a importância da doação. “Doar sangue, para mim, é um ato de amor ao próximo, que se faz sem olhar a quem. Não dói, não custa nada e é seguro. Para mim, é sempre uma satisfação, a cada vez que doou, saber que meu sangue ajuda a salvar a vida de alguém”, explica.

Hemosc em Araranguá

Nos dias 1º e 2 de junho, a equipe do hemocentro fará coletas de sangue na sede da Amesc, localizada na Avenida XV de Novembro, no Centro Cívico, próximo ao IFSC, durante a manhã e à tarde.

Quem pode doar sangue – Requisitos Básicos:
– Estar em boas condições de saúde;
– Ter idade entre 16 e 69 anos, 11 meses e 29 dias;
– Doadores com idade de 16 e 17 anos de idade são aceitos para doação mediante a presença e autorização formal dos pais e/ou responsável legal;
– O limite de idade para primeira doação é de 60 anos;
– Pesar, no mínimo, 50 kg (com desconto de vestimentas);
– Apresentar documento de identidade com foto, emitido por órgão oficial: RG, carteira profissional, carteira de motorista, etc.
– Ter repousado bem na noite antes da doação – (ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas).
– Evitar o jejum. Fazer refeições leves e não gordurosas, nas quatro horas que antecedem a doação;

Impedimentos Temporários:

– Uso de bebidas alcoólicas nas últimas 12 horas;

– Gravidez;

– Resfriado: aguardar 7 dias após desaparecimento dos sintomas;

– Tatuagem / maquiagem definitiva nos últimos 12 meses;

– Vacina contra gripe: por 48 horas;

– Cirurgia odontológica com anestesia geral: por 4 semanas.

Impedimentos Definitivos:

– Hepatite após os 11 anos de idade.

– Hepatite B ou C

– Hepatite por Medicamento: apto após a cura e avaliado clinicamente

– Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue: Hepatites B e C, AIDS (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doença de Chagas.

– Uso de drogas ilícitas injetáveis.

– Malária.

Se você já é doador, atenção com os intervalos entre as doações:

– Homens – 60 dias (máximo de quatro doações nos últimos 12 meses).

– Mulheres – 90 dias (máximo de três doações nos últimos 12 meses).

*Fonte: Confira os requisitos completos em Pró-Sangue/Hemocentro de SP.

Notícias Relacionadas

Balneário Rincão ganha rota gastronômica com 26 locais para conhecer

Iniciativa faz parte do Plano Municipal de Turismo e visa transformar a cidade em um destino turístico durante o ano inteiro

Região Sul do país tem melhora nas desigualdades sociais em saúde, diz FioCruz

Mesmo com a “ligeira redução”, como define a FioCruz, 65 dos 84 municípios que estiveram classificados na lista dos mais desiguais da Região Sul no início da pandemia permanecem nessa condição

SC tem aumento de 271% dos casos confirmados de dengue no 1º semestre de 2022

No Estado, 77 pessoas tiveram mortes confirmadas pela dengue neste ano

Criança de 2 anos é atropelada por ônibus em SC

Bombeiros informaram que a menina teve ferimentos graves e foi levada ao hospital; ela sofreu fraturas expostas