Reflexão

Dom Onécimo apresenta melhoras e permanece na UTI do Hospital Santa Catarina

Foto: Divulgação / Diocese de Criciúma

O orleanense Dom Onécimo Alberton, 53 anos, bispo da Diocese de Rio do Sul, permanece na Unidade de Terapia Intensiva – UTI do Hospital Santa Catarina, em Blumenau, mas apresenta melhoras em seu quadro de saúde.

Ele está internado desde quarta feira (4) e passou pela terceira cirurgia nesse sábado (7). O religioso foi acometido de uma infecção bacteriana após ter passado por uma intervenção cirúrgica para desobstrução intestinal, no Hospital Santa Isabel, também em Blumenau.

De acordo com informações obtidas com exclusividade pelo Portal Sul in Foco, a infecção de Dom Onécimo apresentou estabilização e a situação no momento é estável. Confiante de sua recuperação, agradece a todos que rezaram por ele.

O bispo iniciou a formação para o sacerdócio muito cedo. Aos 11 anos, cursava o ensino fundamental no Seminário São José da Congregação dos Josefinos de São Leonardo de Murialdo, em Orleans. Em 17 de dezembro de 2014, o Papa Francisco nomeou Dom Onécimo como Bispo da Diocese de Rio do Sul (RS). Sua ordenação episcopal foi celebrada em 22 de fevereiro de 2015, em Criciúma.

Dom Onécimo serviu a Diocese de Criciúma desde a sua criação, passando pelas paróquias Nossa Senhora da Natividade, São José e São Paulo Apóstolo. Além disso, foi ordenado presbítero, na Diocese de Tubarão, em 27 de setembro de 1992. Exerceu o ministério como pároco de Cocal do Sul de 1993 a 2001. Foi também formador e reitor do Seminário Teológico Bom Pastor, no período de 2002 a 2011, onde residem os seminaristas de Teologia da Diocese de Criciúma, em Florianópolis.

Notícias Relacionadas

Coronavírus em SC: Governador planeja retomada gradativa da atividade econômica e projeta 713 novos leitos de UTI

O objetivo é adequar as medidas de isolamento à necessidade dos catarinenses com segurança.

Após um mês na UTI enfrentando a Covid-19, paciente de Pescaria Brava recebe alta no HNSC, em Tubarão

A paciente deu entrada no Hospital no dia 21 de março, e no dia 27 foi transferida para a Unidade de Terapia Intensiva, onde precisou receber ventilação mecânica.

Vigário paroquial de Capivari de Baixo, padre Hilário Puziski, morre aos 79 anos

Coronavírus em SC: Santa Catarina conquista a habilitação de 125 novos leitos de UTI junto ao Ministério da Saúde

As habilitações atendem a 13 unidades hospitalares