Segurança

Dupla é presa em Lauro Müller por estelionato em Prefeituras e Câmaras de Vereadores da região

A dupla estaria faturando notas fiscais por serviços de manutenção em cadeiras dos órgãos públicos. Os valores do serviço eram exorbitantes.

Divulgação

A Polícia Civil prendeu dois homens por tentativa de estelionato por uma organização criminosa em Lauro Müller. Os homens apareciam nas prefeituras e câmaras de vereadores para fazer a manutenção de cadeiras dos órgãos públicos e ao final emitiam uma nota fiscal com valores exorbitantes.

Os homens foram descobertos após prestarem os serviços na Câmara de Vereadores de Lauro Müller e serem denunciados. O presidente da Câmara, Luciano Leodato, explica como ocorreu o caso. “Todo ano passo um senhor de Erechim para fazer a manutenção das cadeiras. Há mais de 10 anos ele faz essa manutenção. Semana passada ligou uma pessoa se passando por esse senhor, dizendo que estava com uma equipe aqui na região fazendo a manutenção e que ia passar. Não deu meia hora essa equipe estava na Câmara. O nosso assessor recebeu eles. Enquanto ele estava apresentando as cadeiras que eram para fazer manutenção uma pessoa ligou dizendo que podia deixar eles fazerem o serviço que tinha a mesma qualidade”, explica o presidente.

Um dos homens que fez a manutenção se identificava como irmão desse senhor que sempre oferecia os serviços. Segundo Luciano, a manutenção foi feita das 15h às 18h de quinta-feira (6) e na sexta-feira (7) das 8h às 10h. “Por volta das 10h eles terminaram e apresentaram uma nota de valor absurda. Eras exato R$ 6.970, quase R$ 7 mil reais. O diretor da câmara me chamou, porque é um valor absurdo. A manutenção não passa de R$1.500 reais em média. Questionei os caras e eles disseram que iam descontar uma caixa de peças que tinham deixado. No final ficou R$ 5.500, mas mesmo assim estávamos inconformados. Como tem que ser empenhada a nota fiscal dissemos a eles que na segunda-feira íamos fazer uma transferência”, comenta o presidente Leodato.

O vereador e os assessores da câmara descobriram o golpe na sexta-feira (7) a tarde quando o senhor que sempre prestava o serviço ligou avisando que aqueles homens não eram seus funcionários. “Ele ligou indignado e desesperado, porque os rapazes estavam se passando por ele. Os homens ligaram para ele e disseram que era para ficar tranquilo, que eles fizeram a manutenção aqui e que iam dar uma comissão para ele. Mas ele não sabia e então ligou para nós, foi quando entendemos o que estava acontecendo”, conta Luciano.

O senhor de Erechim veio até Lauro Müller na tarde desta quarta-feira (13), e registrou um Boletim de Ocorrência contra os homens. O presidente da Câmara, Luciano Leodato e alguns funcionários acompanharam o senhor e ficaram como testemunhas do caso. Após o B.O., o Delegado Ulisses Gabriel foi informado e orientou sobre os próximos passos. “O delegado pediu para trazermos eles em Lauro Müller. Então optamos em não pagar por depósito e sim em dinheiro. Pedimos para eles virem fazer a manutenção em mais duas cadeiras que estavam com problemas e receber em mãos. Quando eles vieram fazer essa manutenção, o delegado Ulisses autuou eles em flagrante. Eram quatro pessoas, mas só vieram duas, que foram detidas e encaminhadas para a Delegacia Civil. As outras duas com certeza vão ser indiciadas”, concluiu Luciano Leodato.

Os homens presos são de Erechim e vão responder por tentativa de estelionato por meio de organização criminosa. A suspeita é que os homens atuavam em outras cidades da região. Segundo o senhor que prestava os serviços, o município de Jacinto Machado também foi enganado pelos criminosos. A Polícia Civil informou que os homens estavam usando o nome da empresa Almeida e Filhos Comércio e Manutenção de Móveis para escritório, com sede em Erechim/RS.

No fim da tarde desta sexta-feira (14), Instituto Geral de Perícias esteve na Câmara de Vereadores para averiguar a suposta manutenção dos homens.

Notícias Relacionadas

Administração Municipal de Lauro Müller faz aplicação asfáltica em rua do bairro Arizona

Trabalhos são realizados pela Secretaria de Obras e Serviços Públicos e vão durar até quarta-feira, 17.

Dnit reabre ponte na BR-101 nesta quarta

Trecho de via marginal bloqueado há quase dois meses ainda não terá asfalto, mas será reaberto.

Acessos à área vip e camarotes da Festa do Agricultor estão à venda pela internet

Entrada para os shows nacionais serão gratuitas na pista. Camarotes ou área vip são vendidos pelo site Minha Entrada. O passaporte para três dias custa entre R$ 99 e R$ 198.

Confira imagens da 39ª geada do ano na Serra Catarinense

Os termômetros atingiram a marca de -2.1ºC no Morro das Antenas em Urupema.