Geral

Economia do Governo do Estado com licitações na SIE chega a R$ 103 milhões em 2021

Trata-se da diferença entre o valor orçado e o valor contratado nos mais de 250 editais lançados no ano passado.

Divulgação

Chegou a R$ 103 milhões o valor da economicidade gerada pela Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade na gestão dos processos licitatórios em 2021. Trata-se da diferença entre o valor orçado e o valor contratado nos mais de 250 editais lançados no ano passado. A própria adaptação da pasta à pandemia resultou em redução de despesas, pois as licitações deixaram de ser presenciais. O Pregão Eletrônico, por exemplo, foi a modalidade que mais gerou economia aos cofres públicos: 39,5%.

“A capacidade de adaptação dos nossos servidores e a criatividade deste time da SIE acabou gerando excelentes resultados em tempos de crise sanitária e econômica”, elogia o titular da pasta, Thiago Vieira.

Outra modalidade adotada em virtude da necessária adaptação ao período pandêmico foi o Regime Diferenciado de Contratação, o RDC Eletrônico. De acordo com o gerente de licitações da Secretaria, César Farias, o modelo implementado há dois anos amplia o número de concorrentes, que não precisam se deslocar a Florianópolis para participar.

“No início da pandemia nossos processos eram realizados presencialmente. Tivemos que nos adaptar. Atualmente, mesmo com a possibilidade de se fazer presencialmente, 80% das licitações da secretaria são realizadas por meio de RDC”, destacou Farias.

Projeto custou menos do que a metade do esperado

Com 57% a menos do valor orçado, o edital para contratação de projeto de engenharia rodoviária para Obras de duplicação e restauração com aumento de capacidade das rodovias SC-416 e SC-417, no Norte do Estado, foi o certame que mais gerou economia em 2021.

Também merece destaque o edital para elaboração de projeto para obras de restauração com aumento de capacidade da rodovia SC-418, em Campo Alegre, que obteve 56% de economicidade, comparado ao valor orçado inicialmente.

“Essa é uma mostra do que é possível realizar com vontade política e pessoas comprometidas com o que é público”, avalia Vieira.

Com informações do site HC Notícias

Notícias Relacionadas

Coronavírus em SC: Governo do Estado estabelece novas medidas para o transporte aquaviário e comércio de refeições nas rodovias

A comercialização de refeições pode ser feita por restaurantes localizados às margens das estradas e oferecida exclusivamente para profissionais de serviços considerados essenciais pelo Governo do Estado, incluindo nesta categoria os transportadores de carga responsáveis pelo abastecimento e transbordo de insumos da saúde.

Estado garantirá tratamento anual de R$ 2,7 milhões a criança de Laguna com AME, decide TJ

De acordo com os autos, a perícia médica comprovou que a criança, natural de Laguna, precisa do remédio e que inexiste, na rede pública de saúde, tratamento para a doença.

Respiradores: PGE aguarda depósito de mais R$ 2 milhões em favor do Estado a partir desta segunda

Com o depósito, o valor recuperado chega a 40% do total

Com investimento de R$ 3,9 milhões, Estado entrega unidades de assistência social em Armazém, Rio do Oeste, Lontras e Florianópolis

Cada uma das unidades conta com sala de atendimento familiar, administração, recepção, cozinha, banheiro, área de serviço, sala multiuso, área externa coberta e mobília.