Geral

Educação de Siderópolis realiza primeira reunião de planejamento para volta às aulas

O encontro foi o pontapé inicial para a formatação do calendário letivo de 2021

Divulgação

A previsão para a volta às aulas no ensino infantil, fundamental e médio, em Siderópolis, a partir dos dias 17 ou 18 de fevereiro, de forma presencial ou virtual, foi mantida e deve ser definida de acordo com a classificação da região da Amrec no mapa estadual que aponta o risco potencial para contágio da Covid-19. Já o retorno das aulas nas creches municipais, para as idades entre 0 e 3 anos, ainda segue indefinido.

O retorno presencial, se possível, deverá ocorrer de forma parcial, com o revezamento dos estudantes, 50% dos alunos em uma semana e os demais em outra semana.

A decisão foi tomada em reunião realizada na tarde e início da noite de quarta-feira, 13, entre os novos diretores e secretários da rede de ensino municipal de Siderópolis. O encontro aconteceu no Centro Social Urbano com o objetivo de promover a integração entre o corpo técnico da pasta e para dar início ao planejamento do calendário do ano letivo de 2021.

Neste ano, por conta da pandemia, o município não realizará processo seletivo para ACTs e os candidatos aprovados em 2019 devem ser recrutados na última semana de janeiro. Conforme o secretário de Educação, Méricles Rossa “o número de ACTs e as áreas de atuação desses professores ainda não foram definidos, porque alguns diretores retornam das férias somente na próxima semana e, é eles que devem fazer esse levantamento, de acordo com cada escola”, explica.

Durante a reunião o Plano de Contingência Estadual para Educação (Plancon) foi apresentado aos participantes e discutido a fim de que todos entendessem as diretrizes estabelecidas para uma possível retorno das aulas presenciais.

Notícias Relacionadas

Número de crianças vítimas de acidente de trabalho cresceu 30% em 2020

Dados são de observatório do Ministério Público do Trabalho

Transmissão de doenças respiratórias está elevada em quase todo o país

Indicador está em vermelho em 83 das 118 macrorregiões de saúde do país

Aresc intensifica fiscalizações de medidas preventivas contra a Covid-19 no transporte intermunicipal

Com todas as regiões no nível gravíssimo (cor vermelha), o transporte coletivo urbano municipal, intermunicipal e interestadual pode funcionar com lotação de 50% da capacidade do veículo

Alunos do Colégio Satc recuperam computadores de escola da rede pública

Das 20 máquinas que estavam armazenadas e sem uso, 17 foram restauradas