Geral

Eficiência energética: com apoio da Celesc, Satc irá investir R$ 660 mil em projeto

Proposta receberá R$ 501 mil da Celesc e restante será contrapartida da instituição

Divulgação

A Satc iniciará nos próximos meses um grande projeto de eficiência energética. Selecionada na Chamada Pública da Celesc a instituição receberá da estatal R$ 501 mil e investirá mais R$ 160 mil na troca de mais de 2.800 lâmpadas. Entre 55 propostas inscritas, 10 foram aprovadas e envolvem valores na ordem de R$ 15,8 milhões, contemplando projetos de eficiência energética em todo estado.

A iniciativa da instituição alinha ações concretas ao que é proposto pelos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) e integra a plataforma Satc 2030. Será feita a troca das lâmpadas antigas por novas de LED e com certificação do selo Procel, o que garante maior eficiência e durabilidade.

“A possibilidade de substituir equipamentos vai além da eficiência energética, mas traz a educação. Haverá melhorias na iluminação, que é algo que será perceptível às pessoas. Mas o processo educacional extrapola os muros da instituição. A Satc, como signatária e coordenadora dos programas do movimento ODS aqui na região fica feliz em poder contar com esse auxílio para modernizar as atividades e ter uma ação do ponto de vista educacional”, reforça o diretor geral da Satc, Carlos Antônio Ferreira.

O projeto na Satc foi elaborado e será executado pela empresa P3 Engenharia, com a coordenação do professor Anderson Spacek. “A P3 fez o diagnóstico e identificou onde será feita a substituição. Teremos uma melhora no conforto visual, com ambientes mais iluminados, mas também uma redução no consumo de energia”, ressalta Spacek.

Para fazer o levantamento das unidades que serão trocadas e conhecer os ambientes da instituição, os técnicos da P3 Engenharia contaram com o apoio dos colaboradores Leonardo Marghoti dos Santos e Max Steiner, que integram a equipe de Manutenção Elétrica da Satc. Assim que for autorizado o início dos serviços, a previsão é que sejam executados num prazo de até 12 meses.

Sobre a Chamada Pública

A ordem de serviço foi assinada pelo governador Carlos Moisés e o presidente da Celesc Cleicio Poleto Martins. A proposta foi selecionada na Chamada Pública, para projetos de eficiência energética (PEE Celesc/Aneel). Serão investidos R$ 15,8 milhões em iniciativas que vão contemplar hospitais, indústrias, entidades e municípios.

Conforme dados da Celesc, as propostas selecionadas vão beneficiar mais de 1 milhão de pessoas direta e indiretamente, promovendo uma economia de 6,8 MWh de energia por ano.

Notícias Relacionadas

Legislativo: Vereador Nél propõe que ele e Gaguinho doem três meses de salário ao hospital

Enquanto o presidente falava, o vereador Ronaldo prontamente respondeu: "Fechado". Alegando "questão de ordem", ele tentou fazer uso da palavra, mas sem sucesso

Vereadores de Lauro Müller denunciam perseguição, assédio e pagamento de gratificação indevida

Em sessão acalorada, vereadores de oposição explanaram sobre fatos envolvendo o Poder Executivo e cobraram justificativa

Menino de 12 anos golpeia pai com facão para defender mãe de agressão no Oeste de SC

Segundo a polícia, o pai do adolescente chegou bêbado em casa e tentou agredir a esposa

Brasil deve receber mais de 842 mil doses da vacina da Pfizer em junho

A informação foi dada pelos coordenadores da Covax Facility